Marinho
Instagram
Após injúrias, Marinho afirmou que racistas são "vermes"

Marinho revelou que perdoou os comentários racistas que recebeu do radialista Fabio Benedetti, na partida contra a Ponte Preta, pelo Campeonato Paulista. No entanto, o jogador disse que o profissional, que foi demitido da rádio , terá que "pagar pelo o que fez". O atacante do Peixe comentou sobre o caso no programa "Encontro com Fátima Bernardes" desta sexta-feira.

"Ele pode ter pedido perdão, eu perdoei. Mas ele tem que pagar pelo que fez. A gente não quer que isso aconteça novamente", disse o jogador.

Na última quinta-feira, na derrota por 3 a 1 do Santos para a Ponte Preta, Benedetti que fazia a partida pela Energia 97 FM, disse que Marinho estava "na senzala" devido à suposta má atuação do jogador.

"Fiquei muito mal com isso, chorava muito. Nunca tinha sentido isso muito forte assim. Já aconteceu comigo quando não tinha voz ativa. Quando aconteceu esse episódio agora, me doeu. Sei que tem muita gente sofrendo no oculto, gente que não pode falar, não tem voz. É um crime", comentou ainda.

    Veja Também

      Mostrar mais