O meia turco Arda Turan pertence ao Barcelona
Divulgação
O meia turco Arda Turan pertence ao Barcelona

O Palmeiras iniciou 2020 sem ter anunciado reforços para temporada, mas o clube tem alguns nomes na mira. O jogador da vez é o turco Arda Turan, de 32 anos de idade.

Leia também: Arda Turan é julgado em Istambul por assédio sexual e agressão a cantor turco

Arda Turan  tem contrato com o Barcelona até o meio deste ano e jogou emprestado ao Istanbul Basaksehir em 2019.

De acordo com informações do jornal turco Yeni Akit , o Palmeiras fez uma sondagem e demonstrou interesse na contratação do meia-atacante, que brilhou com a camisa do Atlético de Madrid antes de se mudar para o Barcelona.

Arda Turan no Atlético de Madrid
Reprodução/Facebook
Arda Turan no Atlético de Madrid

Segundo o jornal Marca , o Barcelona não pretende contar com Turan nestes seis meses de contrato que ainda restam.

Na Turquia, o jogador teve alguns problemas com a polícia. Em 2018, ele brigou com um cantor de uma boate de Istambul, foi acusado de agressões e de dar tiro dentro de um hospital.

Ele também respondeu por assédio sexual.

E mais: Arda Turan, ex-Barcelona, é condenado a prisão após dar tiro em hospital

Para não ser preso - já que chegou a ser condenado -, foi a julgamento e assinou um termo de responsabilidade de que não cometeria outra infração no país pelos próximos cinco anos.

arda turan
Reprodução
Arda Turan durante julgamento em Istambul, na Turquia, por infrações em 2018

Em um outro incidente, no ano de 2017, o jogador agrediu um repórter que acompanhava a seleção turca durante voo, foi expulso da delegação e decidiu que não voltaria mais a defender as cores do país. Depois, ele voltou atrás e foi reintegrado à Turquia.

Leia também: Arda Turan agride jornalista durante voo e é expulso da seleção turca

Arda Turan%2C jogador do Barcelona e da seleção turca
Reprodução
Arda Turan, jogador do Barcelona e da seleção turca

Arda Turan iniciou sua carreira no Galatasaray, sendo negociado com o Atlético em 2011, conquistando o Campeonato Espanhol de 2015. Neste mesmo ano, foi para o Barcelona, onde ficou até 2018.

    Veja Também

      Mostrar mais