Tamanho do texto

Craque brasileiro ainda ostenta números invejáveis, mas lesões e antipatia da torcida e do treinador atrapalham rendimento no clube parisiense

Em sua terceira temporada na França, Neymar tem poucas razões para comemorar. As repetidas lesões e a antipatia da torcida do PSG pelo craque da seleção brasileira atrapalham a percepção em torno do atacante de 27 anos.

Leia também: Com golaço e assistência, Neymar comanda virada do PSG na França; assista

Neymar arrow-options
Site oficial
Neymar em ação pelo PSG

Embora seu rendimento esteja caindo temporada após temporada, seus números ainda são suficientemente bons para justificar a badalação. A despeito de Thomas Tuchel, treinador do PSG, já ter externado mais de uma vez que prefere montar o time com Mbappé do que Neymar .

Fato é que na temporada 2019/2020, o brasileiro jogou muito pouco. Foram apenas dez partidas. Oito pelo campeonato francês e duas pela Champions League. Foram sete gols e três assistências. Estatística e proporcionalmente é um desempenho até mesmo superior as duas temporadas anteriores pelo clube francês (30 partidas em 2017/2018 com 28 gols e 17 assistências e 28 jogos em 2018/2019 com 23 gols e 11 assistências), mas isso parece desimportante.

O PSG está rendendo bem sem Neymar, o que ajuda a compreender a posição de Tuchel. O time é líder do Francês com 39 pontos de 48 disputados. Foram apenas três derrotas em 16 partidas. O clube avançou à fase de oitavas de final na Champions em 1º lugar com uma rodada de antecedência em uma chave com o poderoso Real Madrid.

Neymar arrow-options
Twitter Oficial/Reprodução
Neymar celebra gol com Mbappé

Na Ligue 1, como é chamado o Campeonato Francês , apenas o Olympique de Marselha persegue com algum propósito o PSG, clube ao qual Neymar sequer chegou a ser referência. Em sua primeira temporada desentendimentos com Cavani, que deve deixar o clube na próxima janela de transferências, racharam o vestiário parisiense.

Leia também: Presidente do Flamengo fala sobre Neymar: "Se tivermos a possibilidade, faremos"

A aproximação de Neymar do Flamengo é bastante comentada na França, mas ninguém fala no momento na saída do brasileiro – ainda que especulações sobre empréstimo por uma temporada com o clube francês pagando 70% do salário do jogador pipoquem aqui e ali.

Em meio a uma temporada tão ruim, com rumorosos problemas extracampo , Neymar segue sendo um dos principais atrativos do Campeonato Francês. Junto com Mbappé , campeão mundial pela França, o jogador é uma peça de marketing valiosa na engrenagem do clube. Para os brasileiros, é sempre motivo de expetativa de genialidade em campo. A Ligue 1 é transmitida com exclusividade no Brasil pelo DAZN, que oferece 30 dias gratuitos para novos assinantes .

    Leia tudo sobre: Futebol