Tamanho do texto

Monique Lima, delegada responsável pelo caso, concluiu dois inquéritos que tramitavam pelo 11º DR envolvendo a modelo e o craque do PSG; confira

A Delegada Monique Lima concluiu os dois inquéritos que tramitavam pelo 11º DR envolvendo Neymar e Najila Trindade, de acordo com a Polícia Civil. A modelo acusou o jogador de estuprá-la durante um encontro dos dois em um hotel de Paris, na França.

Leia também: Com o rosto coberto, Najila Trindade chega à delegacia para depor contra Neymar

Najila Trindade arrow-options
Reprodução / Renato S Cerqueira/ Futura
Najila Trindade


Najila e seu ex-companheiro, Estivens Alves, foram indiciados pelo crime de fraude processual. O rapaz também foi responderá por divulgar material com conteúdo erótico da ex.

Leia também: Defesa de Neymar solta nota de repúdio contra ex-advogado de acusação

A Policia Civil informa que a Delegada de Polícia Monique Lima concluiu os dois inquéritos que tramitavam pelo 11º DP envolvendo Neymar da Silva Santos Júnior. As peças são desdobramentos do caso investigado e encerrado junto à 6ª Delegacia de Defesa da Mulher, sob a presidência da Doutora Juliana Lopes Bussacos, que tinha por finalidade apurar suposto crime de estupro, do qual a senhora N.T.M.S. teria sido vítima, tendo como suposto autor o atleta.

Com base no conjunto probatório reunido durante as investigações, a delegada decidiu pelo indiciamento de N. e ESTIVENS ALVES, seu ex-companheiro, pelo crime de fraude processual (art. 347, parágrafo único, CP). Decidiu, ainda, por indiciar Alves pelo artigo 218-C, por divulgar material com conteúdo erótico de N. para um repórter, em troca de publicações suas na internet. Após o esclarecimento da materialidade delitiva, procedida à realização das respectivas perícias e oitivas, a autoridade também decidiu pelo indiciamento de N. nos crimes de denunciação caluniosa e extorsão.

Os inquéritos, que seguem sob segredo de Justiça, foram encaminhados ao Tribunal de Justiça para apreciação dos representantes do Ministério Público e do Poder Judiciário.

Leia também: Polícia registra BO contra Najila Trindade por declaração polêmica em entrevista

Najila trindade abriu um B.O contra Neymar em junho desse ano. Ela foi até Paris para se encontrar com o jogador, mas denunciou ele por estupro.