Tamanho do texto

"Analisando os fatos como advogado criminalista, diria eu que as partes, Neymar e Najila, possam ter se entendido fora dos autos", disse Danilo Garcia

Lance

Najila Trindade acusa Neymar de estupro arrow-options
Reprodução
Najila Trindade acusa Neymar de estupro

O ex-representante de Najila Trindade , o advogado Danilo Garcia de Andrade, entregou uma petição à delegada Monique Patrícia de Lima, da 11ª Delegacia da Polícia de São Paulo, onde alega acreditar que Neymar e a modelo, que o acusou de estupro, chegaram a um acordo "fora dos autos". 

Leia também: Caso Neymar: Mauro Naves prestou depoimento sobre extorsão

De acordo com o UOL, o advogado também acredita que Najila pode ter recebido orientações para produzir provas e gravar o encontro que teve com Neymar no hotel em Paris. No documento, Danilo diz que, de fato, algo ocorreu no primeiro encontro entre os dois.

"Acredito que algo de relevante aconteceu na primeira noite dela com o jogador Neymar no quarto em Paris. E que deste ocorrido, Najila, ao desabafar, teria sido instruída a gravar o jogador no dia seguinte e, dessa forma, outras pessoas ligadas à Najila de forma direta ou indireta construíram toda a situação que acompanhamos até o presente momento", diz o documento.

"Assim, analisando os fatos como advogado criminalista, diria eu que as partes, Neymar e Najila, possam ter se entendido fora dos autos, fazendo assim com o que o conteúdo e/ou continuação do vídeo de 01 minuto e 06 segundos já não seja mais divulgado", continua.

O advogado também pontuou que esperou a conclusão do relatório da 6ª DDM Juliana Brussacos, que resolveu não indiciar o jogador por estupro, para se pronunciar sobre o caso.

Danilo Garcia%2C terceiro advogado de Najila Trindade arrow-options
Marcelo D. Sants / FramePhoto / Agência O Globo
Danilo Garcia, terceiro advogado de Najila Trindade

SOBRE O VÍDEO

Danilo chegou a ser acusado por Najila de ser responsável pelo sumiço do vídeo que trariam provas do suposto estupro. No documento, o advogado também contesta a relevância do vídeo.

"Esclareço que me estranha a postura de uma vítima de estupro que diz ter provas que corroborem suas alegações e, ao decorrer de sua instrução de defesa, ela faz, à revelia de seu defensor, manobras para dificultar a entrega das provas. Acredito que talvez este vídeo do celular tenha mais valor e relevância e seu conteúdo jamais aparecerá. Acredito que este vídeo do celular tenha mais relevância no que corresponde ao seu conteúdo se não aparecer. Digo isso, pois ninguém vê qualquer deles (Neymar e/ou Najila) levantar e desligar a gravação", esclareceu.

O atual advogado de Najila, Cosme Araújo, considera que Danilo está blefando e o desafiou a comprovar o que está alegando no documento. Enquanto a modelo segue reclusa, Neymar se reapresentou ao PSG e está treinando com o elenco.