Tamanho do texto

Local foi palco da tragédia que matou 10 jovens da base rubro-negra

Entrada do Ninho do Urubu, o CT do Flamengo no Rio de Janeiro
Twitter/Reprodução
Entrada do Ninho do Urubu, o CT do Flamengo no Rio de Janeiro

O Ninho do Urubu, centro de treinamento do Flamengo, foi interditado na manhã desta quarta-feira pela Prefeitura do Rio de Janeiro. Um aviso de fechamento foi colado no portão de entrada do CT.

Leia também: Diego chora ao falar da tragédia e lembra que também usou containers no Fla

Neste mês de fevereiro, o local foi palco de uma das maiores tragédias do futebol brasileiro - um incêndio em um dos alojamentos das categorias de base do Ninho do Urubu matou 10 jovens jogadores do rubro-negro.

O documento de interdição é o mesmo de 2017, ordem que jamais tinha sido cumprida pelo Flamengo . Segundo a Prefeitura do Rio de Janeiro , o CT funciona "sem o competente alvará de licença para estabelecimento".

Leia também: Somos tão insignificantes que jogamos enquanto choramos

A interdição não tem qualquer relação com o pedido do Ministério Público, por conta das indenizações às famílias das vítimas. O órgão pediu o bloqueio de R$ 57 milhões do clube carioca, que apresentou defesa e ainda aguarda decisão judicial.

Fiscais da prefeitura estiveram no CT na manhã desta quarta-feira para cumprir a decisão e membros da Guarda Municipal ficaram na entrada do local para evitar a entrada de pessoas, como dirigentes e jogadores. Apenas funcionários da obra são permitidos.

Leia também: Flamengo continuará pagando salários das vítimas do incêndio no Ninho

Com o fechamento temporário do Ninho do Urubu , o elenco profissional do Flamengo não poderá treinar no local e a diretoria ainda estuda onde serão os trabalhos neste período. A sede social da Gávea também não tem alvará e está descartada sua utilização neste momento.

    Leia tudo sobre: Futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas