Tamanho do texto

Kaio Cézar estava há um mês sem folgas e fazia todas as etapas do programa sozinho, além de sofrer com assédio moral do diretor; leia mais

Jornalista Kaio Cézar pediu demissão ao vivo no fim do Globo Esporte do Ceará neste sábado (16)
Reprodução
Jornalista Kaio Cézar pediu demissão ao vivo no fim do Globo Esporte do Ceará neste sábado (16)

O assunto mais comentado entre os torcedores no Brasil neste sábado (17) foi o pedido de demissão ao vivo do apresentador do Globo Esporte do Ceará. O jornalista Kaio Cézar, da TV Verdes Mares, comunicou a decisão de deixar a afiliada da Rede Globo nos minutos finais do programa.

Leia também:  Ex-goleiro Jefferson revela que foi barrado da seleção sub-20 por ser negro

“O Globo Esporte fica por aqui e eu também fico. Neste momento, estou pedindo demissão do sistema Verdes Mares. Não abro mão do respeito nem da dignidade para estar em lugar nenhum”, disse o jornalista .

De acordo com uma nota do Sindicato dos Jornalistas no Ceará, o Sindjorce, a unificação das redações da TV Verdes Mares, do G1 CE, da TV Diário, do Diário do Nordeste e da Rádio Verdes Mares foi responsável pela demissão de 30 jornalistas e causou sobrecarga de trabalho para os que ficaram na emissora .

Caso de Kaio que estava há um mês sem folgas e tendo que produzir, redigir, editar e ancorar quadros e programas sozinho. O jornalista também atuava na rádio Verdes Mares AM, mas foi demitido recentemente.

Leia também:  Prefeitura do Rio de Janeiro interdita Ninho do Urubu; veja irregularidades

“A realidade enfrentada pelo jornalista é, infelizmente, comum a quase todos os funcionários. Desde que uma consultoria milionária conduziu o desastroso processo de modificação das redações, os únicos resultados são o aumento da precarização, das pressões e dos adoecimentos. Há informações inclusive do uso desenfreado de medicamentos contra ansiedade e antidepressivos”, diz a nota da Sindjorce.

Após ser procurado por outras emissoras de televisão para entrevistas, Kaio publicou um longo texto sem eu Facebook com o esclarecimento do pedido de demissão . Leia na íntegra abaixo:

Segundo o texto, Kaio foi diminuído por colegas, assediado moralmente e teve sua família ofendida. O jornalista deixou claro que o diretor Paulo César Norões foi um dos responsáveis pela sua saída da TV Verdes Mares.

Leia também:  'Majestoso pra quem?'. Hoje tem Corinthians e São Paulo pelo Paulista 2019

A sobrecarga no trabalho de repórteres de televisão não é algo restrito ao Ceará. No ano de 2018 diversos nomes conhecidos do grande público pediram demissão de emissoras por estarem exercendo múltiplas funções para apenas um jornalista .

    Leia tudo sobre: Futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.