Tamanho do texto

O colombiano Jonathan Copete já vestiu a camisa do Santos FC 112 vezes e marcou 24 gols. Atacante está há 25 partidas sem balançar as redes

Copete comemora gol contra o São Paulo em 2017
Reprodução
Copete comemora gol contra o São Paulo em 2017

Na última vez que Santos e São Paulo se enfrentaram na Vila Belmiro, em 9 de julho de 2017, o atacante colombiano Jonathan Copete roubou a cena. Ele marcou os três gols da vitória alvinegra no clássico e ainda escreveu seu nome na história do clube. Se tornou o maior artilheiro estrangeiro com 20 gols em pouco mais de um ano, igualando o argentino Echevarrieta, que defendeu o alvinegro em 1943.

Leia também: Em nova função, Cuca espera Gabigol atacante decisivo no clássico

Ao blog sobre viagens e destinos, Pequena por Aí , Copete relatou que pediu para enfrentar o São Paulo, naquela oportunidade, já que se recuperava de queimaduras pelo corpo por causa de um acidente doméstico. Além disso, ele ressaltou a felicidade de atingir o status de maior artilheiro estrangeiro em menos de um ano de Santos e relembrou que havia marcado no rival cinco gols em três partidas.

Ao mesmo site, ele afirmou que estava adaptado ao Brasil e que mantinha as tradições colombianas dentro de casa para buscar objetivos traçados quando ainda atuava no Atlético Nacional.

Leia também: Morumbi passará por reformas para a abertura da Copa América 2019

Mas, de lá para cá, a história deste carismático atacante de 30 anos tomou outro rumo. Nesta temporada ele foi pouco aproveitado por Jair Ventura e vem recebendo novas, mas também raras, oportunidades com o técnico Cuca. Até aqui foram 25 confrontos sem balançar as redes.

Copete é o maior artilheiro estrangeiro no Santos em pouco mais de um ano.
Reprodução
Copete é o maior artilheiro estrangeiro no Santos em pouco mais de um ano.

Copete vestiu a camisa alvinegra em 112 partidas e marcou 24 gols. Ele apareceu para o futebol brasileiro como destaque do time do Atlético Nacional na Libertadores da América de 2016 . E mesmo com a possibilidade de disputar o título da competição continental não hesitou ao aceitar uma proposta do Santos, justamente no meio daquela temporada.

A estreia foi em 29 de junho, na derrota para o Grêmio, no sul, por 3 a 2. Mas, ainda naquele ano, Copete cairia nas graças do torcedor alvinegro sendo apelidado de “Copeterror”. O primeiro gol foi nas oitavas de final da Copa do Brasil, contra o Vasco, no Rio de Janeiro, que classificou o Peixe as quartas de final.

Leia também: Cuca indica que volante Renato poderá ser dirigente no Santos

Foram 31 jogos com a camisa do Santos em 2016 e 12 gols. Em 2017, 52 jogos e outros 12 gols. O último gol foi em 3 de dezembro do ano passado, última rodada do brasileiro, contra o Avaí. Copete está relacionado pelo técnico Cuca para o clássico deste domingo, às 16 horas, na Vila Belmiro. “Quem sabe a volta por cima não seja neste duelo”, acreditam pessoas próximas ao atacante.

    Leia tudo sobre: Futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.