Tamanho do texto

Lateral-esquerdo Júnior Tavares passou duas semanas treinando no Rennes, para ver se o clube francês se interessaria na sua contratação

O lateral-esquerdo Júnior Tavares está de volta ao São Paulo após duas semanas treinando com o elenco do Rennes . Depois de avaliar o jogador, o clube francês revelou que o jogador não convenceu e não será contratado.

Leia também: Convocações de Cássio e Fagner podem render quase R$ 3 milhões ao Corinthians

Júnior Tavares durante treinamento no Rennes
Divulgação/Twitter
Júnior Tavares durante treinamento no Rennes

Segundo o Rennes,  Júnior Tavares  mostrou a sua habilidade durante os treinamentos da equipe, mas o tempo foi curto e o jogador não conseguiu junstificar um futuro investimento. Assim, o lateral irá retornar ao clube paulista e voltar a fazer parte do elenco tricolor.

O São Paulo não recebeu a notícia com reprovação. O desejo do clube é de vender o lateral, que não vem sendo muito aproveitado no time. No entanto, o Rennes estava tentando uma negociação sem envolver uma quantia em dinheiro.

Júnior Tavares retorna ao São Paulo nesta terça-feira e deve se reapresentar no clube na quarta-feira. Uma conversa com o treinador Diego Aguirre deve definir se o atleta será aproveitado, o mais provável, ou se deve buscar outro clube. Segundo o Rennes, os dois clubes continuarão a manter contato para um possível negócio no futuro.

Leia também: Federação de jogadores contesta punição a Guerrero e pede reunião com a Fifa

Segundo a publicação oficial no site do clube francês, "A estadia do jogador Júnior Tavares chegou ao fim. Após as duas semanas em que o jogador pôde participar em sessões de treino com o grupo profissional do Stade Rennais FC, o clube não quis ativar a possibilidade de contratar o jogador, apesar da confirmação de todas as suas qualidades".

"O período foi muito curto para validar com certeza o comprometimento do jogador que vai viajar para o Brasil e vai retornão ao seu São Paulo FC. Os clubes decidiram manter contato para estudar um possível acordo no futuro", continuou a nota.

No clube francês, a posição de lateral-esquerdo necessita de renovação. Ludovic Baal foi contratado em 2015 para ser o titular da posição, mas após atuações ruins nesta temporada, perdeu espaço para o jovem Ramy Bensebaini. O argelino é zagueiro de origem, mas atuou improvisado pelo lado do campo e conquistou a titularidade.

Leia também: 15 fatos interessantes sobre as Copas do Mundo que provavelmente você não sabia

Júnior Tavares teve um bom início de temporada em 2017, o classificando como uma das jovens promessas do São Paulo. No entanto, caiu de rendimento e, atualmente, é apenas a terceira opção para a lateral-esquerda, atrás de  Reinaldo e Edimar. 

    Leia tudo sobre: Futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.