Tamanho do texto

Selecionamos alguns jogadores que são lembrados pelo que fizeram ou ainda fazem dentro e fora de campo; confira a lista e opine ao fim se faltou algum

No último final de semana, os jogadores do Flamengo, Felipe Vizeu e Rhodolfo, proporcionaram uma das  cenas mais polêmicas do futebol brasileiro nos últimos tempos. O atacante marcou o terceiro gol da vitória sobre o Corinthians e virou para o zagueiro e companheiro de equipe para fazer um gesto obsceno com a mão. Antes, eles haviam discutido por conta do posicionamento em campo e Rhodolfo chegou a dizer que iria "quebrar" Vizeu.

Leia também: Saiba quem são os 10 jogadores de futebol mais rápidos do mundo

Após a partida, ambos disseram que tudo tinha se resolvido e que não passou de uma discussão de jogo. Com esse gancho fresco na memória, resolvemos relembrar alguns dos jogadores mais polêmicos e encrenqueiros do futebol. Você acha que faltou algum? Comente ao final da matéria.

Marco Materazzi

Campeão do mundo em 2006, italiano Materazzi proporcionou uma das cenas bizarras do futebol e também perseguia os adversários em campo
Divulgação
Campeão do mundo em 2006, italiano Materazzi proporcionou uma das cenas bizarras do futebol e também perseguia os adversários em campo

O ex-jogador italiano era um dos mais maldosos do futebol e, por isso, acumulou polêmicas na carreira. Além das sapatadas em jogadores adversários, ele foi o responsável pela icônica cena na final da Copa de 2006, ao ofender a irmã de Zidane e ser atingido por uma cabeçada. Além disso, por conta do que fazia em campo, ele foi eleito por uma revista francesa o jogador mais odiado do país.

Paolo Di Canio

Paolo Di Canio hoje está aposentado, mas já fez saudação nazista em jogo e também tem tatuagem de apoio a Mussolini
Divulgação
Paolo Di Canio hoje está aposentado, mas já fez saudação nazista em jogo e também tem tatuagem de apoio a Mussolini

Italiano, Di Canio começou a carreira na Lazio, as onde fez mais sucesso foi no West Ham, da Inglaterra. Suas polêmicas se dão porque ele era favorável ao ditador fascista italiano Benito Mussolini e chegou a tatuar algo para homenagear o ditador. Além disso, em um clássico entre Lazio e Roma, fez saudação nazista à torcida rival e provocou indignação na Itália.

Cantona

Eric Cantona, ídolo do Manchester United, era ótimo em campo, mas também se envolveu em polêmicas
Divulgação
Eric Cantona, ídolo do Manchester United, era ótimo em campo, mas também se envolveu em polêmicas

Um dos principais responsáveis pelo renascimento do Manchester United nos anos 1990, onde é ídolo, o francês Cantona ficou conhecido também por ter 'alguns parafusos a menos'. Entre várias polêmicas, a mais famosa foi em 1995, quando ele foi até a arquibancada e deu uma voadora em um torcedor. Por conta disso, ficou nove meses suspenso e prestou 120 horas de serviço comunitário.

Valdivia

Jogadores feios da história do futebol
Reprodução/Twitter/Facebook
Jogadores feios da história do futebol

O chileno Valdivia, considerado 'Mago' pelos palmeirenses, se envolveu em muitas polêmicas. A primeira foi ainda em 2007, quando ele foi acusado de assédio por uma funcionária de um hotel. Em campo, ele já esfregou as mãos nos olhos como se estivesse chorando após vencer um rival, já provocou o ídolo são-paulino Rogério Ceni e também já trocou soco com Bruno, do próprio time, em um treino. Outra polêmica de Jorge foi quando ele chegou bêbado na concentração do Chile e foi afastado.

Edmundo

Edmundo dá cerveja para um macaco. Além dessa polêmica, o ex-atacante se envolveu em outras
Reprodução
Edmundo dá cerveja para um macaco. Além dessa polêmica, o ex-atacante se envolveu em outras

O "Animal" se destacou em campo, principalmente, no Palmeiras e no Vasco, mas é mais um que chamou a atenção também pelo que fez fora dele. Foram muitas expulsões, discussões históricas e dancinhas provocativas. Em 1998, ele deixou a Fiorentina, onde jogava, para desfilar no Salgueiro, no ano seguinte, passou uma noite na cadeia após ser condenado por homicídio culposo e em outro momento deu cerveja a um chipanzé. De acordo com o jornal inglês Daily Mail , ele é o atleta mais controverso do Brasil.

Joey Barton

Joey Barton já foi preso e também ficou marcado por provocar Neymar no Twitter
Divulgação
Joey Barton já foi preso e também ficou marcado por provocar Neymar no Twitter

O volante britânico de 35 anos começou a carreira no Manchester City, mas nunca engrenou. Ele ficou mais famoso por conta das confusões em que se envolveu e, por uma série de brigas, passou seis meses preso. Fora isso, Barton já provocou Neymar no Twitter e o brasileiro respondeu que desconhecia o colega de profissão. Em uma tréplica, Joey afirmou que se apresentará a ele quando "deixar o seu santuário na liga amazônica da selva", numa referência diminuta ao Campeonato Brasileiro, já que o hoje jogador do PSG ainda estava no Santos.

Leia também: Veja simulações de grupos difíceis e fáceis que o Brasil pode cair na Copa

Maradona

Diego Maradona hoje está mais tranquilo, mas já foi considerado um dos jogadores mais polêmicos
Reprodução
Diego Maradona hoje está mais tranquilo, mas já foi considerado um dos jogadores mais polêmicos

O astro argentino conseguiu conquistar uma Copa do Mundo pelo seu país e é considerado um dos maiores jogadores de todos os tempos, mas também é encrenqueiro. O destaque maior fica para as duas suspensões por uso de cocaína e efedrina e para uma prisão em 1998 por disparar tiros contra jornalistas que rondavam sua residência. Recentemente, Maradona foi acusado de assédio sexual por uma jornalista após a final da Copa das Confederações. Apesar disso, o ex-camisa 10 é presença certa em eventos de grande porte do mundo do futebol.

Suárez

Luis Suárez  vive grande fase há alguns anos, mas também já foi considerado muito encrenqueiro
Reprodução
Luis Suárez vive grande fase há alguns anos, mas também já foi considerado muito encrenqueiro

Luis Suárez é mais um que aparece nesta lista. Em 2014, ainda sob os resquícios da mordida que ele deu no zagueiro Chiellini, durante duelo entre Uruguai e Itália, pela Copa, o jornal Daily Mail o elegeu o jogador mais encrenqueiro de todos os tempos. Entre as polêmicas, estão três mordidas em adversários e uma acusação de racismo feita por Patrick Evra, em 2012.

Leia também: Torcedor do Flamengo perde dente durante comemoração de gol no Maracanã; assista

Felipe Melo

Uma das últimas polêmicas de Felipe Melo foi o soco que ele deu em um jogador do Peñarol
Divulgação
Uma das últimas polêmicas de Felipe Melo foi o soco que ele deu em um jogador do Peñarol

Hoje no Palmeiras, o volante já proporcionou diversas polêmicas e fecha essa lista de jogadores encrenqueiros. Ficou marcado por ser expulso nas quartas de final da Copa de 2010 entre Brasil e Holanda e por acontecimentos no futebol europeu. Recentemente, já na equipe paulista, saiu na mão com jogadores do Peñarol, e foi suspenso pela Conmebol. Depois, foi afastado pelo técnico Cuca. Além disso, ele também declarou apoio a Jair Bolsonaro na corrida presidencial de 2018, candidato conservador de extrema-direita.

    Leia tudo sobre: futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.