Tamanho do texto

Equipe de José Mourinho mantém os 100% de aproveitamento e mostra muita consistência defensiva no início do Campeonato Inglês

O Manchester United enfrentou o Swansea City no Liberty Stadium, em Plasmarl, País de Gales, na abertura da segunda rodada do Campeonato Inglês , na manhã deste sábado, e repetiu o placar da primeira rodada: 4 x 0, mantendo a boa fase e os 100% de aproveitamento neste início de competição.

Leia também: Barcelona fará camisa especial para homenagear vítimas de atentado

Os gols foram marcados pelo zagueiro Eric Bailly, no finalzinho do primeiro tempo, e Lukaku, Pogba e Martial, em apenas seis minutos, ampliaram e transformaram a vitória em goleada. Em duas rodadas, o Manchester United mostrou consistência defensiva e conseguiu ser fatal quando teve as chances de marcar.

Bailly e Lukaku comemoram o primeiro gol do Manchester United diante do Swansea
Reprodução/Twitter
Bailly e Lukaku comemoram o primeiro gol do Manchester United diante do Swansea

O jogo

A primeira grande chance do jogo veio logo aos três do primeiro tempo, com Jordan Ayew. O atacante avançou pela esquerda e, mesmo sem ângulo, acertou o travessão após saída errada de De Gea. Aos nove, Juan Mata cobrou falta e Phil Jones com o ombro também acertou o poste, resposta do United.

O Manchester passou a dominar a partida no País de Gales a partir de então, mas sem criar grandes chances de gol. O Swansea voltou a assustar aos 33 minutos com Bartley mandando de ombro após cobrança de escanteio, mas a bola passou à direita do gol.

Leia também: Times da Espanha se unem em homenagem a vítimas de atentados em Barcelona

Aos 35 e aos 40, duas chances do United. Na primeira, Rashford conseguiu espaço e saiu na cara de Fabianski, mas finalizou nas mãos do goleiro. Na segunda, o arqueiro polonês errou ao sair do gol e Mata ficou livre, mas errou o chute.

Depois de insistir, os visitantes conseguiram furar a defesa do Swansea. Pogba subiu mais que todo mundo e cabeceou firme após escanteio, mas a bola parou no travessão. Espero, Eric Bailly pegou o rebote e só empurrou para as redes. Foi o primeiro gol do zagueiro marfinense com a camisa dos Diabos Vermelhos.

No segundo tempo, o Manchester continuou dominando as ações e ficar bom a bola no pé. Mas até os 30 minutos, não conseguiu fazer com que as chances se concretizassem em gols. O Swansea, por sua vez, chegou duas vezes com perigo, mas as duas só assustaram De Gea.

Aos 34, porém, o belga Lukaku começou uma jogada e após toque de bola entre Martial e Mkhitaryan, apareceu na área para finalizar e fazer o segundo do United. E abriu a porteira...

Pogba comemora o seu gol, o terceiro do United contra o Swansea
Reprodução/Twitter/Premier League
Pogba comemora o seu gol, o terceiro do United contra o Swansea

Leia também: Tia do lateral Daniel Alves é encontrada morta em rio na Bahia

Dois minutos depois, foi a vez de Pogba deixar o dele. O francês roubou a bola no meio, tocou e avançou. Já na área, ele finalizou por cima do goleiro e aumentou a vantagem. Em mais dois minutos, a vitória virou goleada. Martial arrancou e recebeu de Pogba na área, livre, só tocou no canto do goleirão do Swansea.

Com o jogo ganho, o Manchester só precisou administrar. No fim, as estatísticas mostraram como a equipe visitante foi superior. Foram oito chutes e quatro gols marcados, contra apenas um chute certo do Swansea.

Ficha técnica

Swansea City: Fabianski, Bartley (Routledge), Mawson e Federico Fernández; Naughton, Olsson, Roque Mesa (Narsingh), Fer e Carroll; Jorda Ayew e Abraham (McBurnie).
Técnico: Paul Clement.

Manchester City: De Gea, Antonio Valencia, Eric Bailly, Phil Jones e Blind; Pogba, Matic, Juan Mata (Fellaini) e Mkhitaryan (Ander Herrera); Rashford (Martial) e Lukaku.
Técnico: José Mourinho.

O Manchester United voltará a campo no próximo sábado, diante do Leicester, no Old Trafford, pela terceira rodada do Campeonato Inglês. Já o Swansea visitará o Crystal Palace, no Selhurst Parl.

    Leia tudo sobre: futebol