Tamanho do texto

Para evitar ataques com drones, a cobertura do Millennium Stadium, em Cardiff, no País de Gales, permanecerá fechada antes e durante a partida

A final da Liga dos Campeões da Europa entre Juventus e Real Madrid, que será disputada neste sábado, no Millennium Stadium, na cidade de Cardiff, no País de Gales, será a "mais blindada de toda história" segundo as autoridades do país.

Leia também: Buffon revela medo para final da Liga dos Campeões: "Preciso encontrar coragem"

A Polícia de South Wales fez um enorme plano de segurança, coordenado com a Inteligência britânica, que inclui o deslocamento de dois mil policiais extras em uma cidade já patrulhada por seis mil agentes. De acordo com a Polícia, a ideia é ter controles de rotina "em cada esquina" da cidade e mais ainda nas adjacências do estádio palco da decisão da Liga dos Campeões .

Final da Liga dos Campeões da Europa será na cidade de Cardiff, no País de Gales
Divulgação / Uefa
Final da Liga dos Campeões da Europa será na cidade de Cardiff, no País de Gales

Além disso, foram contratados centenas de especialistas em logística para obter em tempo real a identidade dos cerca de 200 mil torcedores que irão para a cidade, sendo que a maioria não terá ingressos para a partida e ficará espalhada em praças, bares e restaurantes.

Leia também: Bateu na trave! Confira craques que nunca venceram a Champions League

Para evitar ataques com drones, a cobertura do estádio permanecerá fechada antes e durante a partida, bem como durante os treinamentos feitos por Juve e Real Madrid antes do confronto.

Todo cuidado é pouco

As medidas de segurança, que já seriam bastante intensas, foram ampliadas após o atentado terrorista que aconteceram na Arena Manchester, logo após o show da cantora Ariana Grande, no último dia 22, na cidade inglesa de Manchester. O ataque reivindicado pelo Estado Islâmico provocou 22 mortes e mais de 50 feridos, alguns com a necessidade amputação de pernas.

Leia também: Manchester United bate recorde e é o clube mais valioso da Europa

As chamadas "fan zones" da Liga dos Campeões da Europa, os locais onde os torcedores sem ingressos se reúnem para assistir o jogo, serão mantidas sob um grande esquema de segurança. No entanto, nesses espaços, não serão permitidos shows ou festas como ocorreu nos anos anteriores em cidades que receberam a final da Champions.

    Leia tudo sobre: Futebol