Tamanho do texto

O grupo La Unión, responsável pelas buscas de pertences e bens dos passageiros do voo 2933, encontrou a camisa do jogador sobrevivente

Camisa do sobrivente Alan Ruschel foi encontrada nos destroços do avião
Reprodução
Camisa do sobrivente Alan Ruschel foi encontrada nos destroços do avião

O jornalista Rafael Henzel, um dos seis sobreviventes do acidente com o avião da Chape na Colômbia, declarou que um grupo está trabalhando para resgatar os pertences dos passageiros. O grupo responsável pelas buscas está recuperando os bens das vítimas e sobreviventes do voo 2933 da companhia boliviana LaMia.

Leia mais: Conheça mais sobre os sobreviventes da tragédia da Chapecoense

De acordo com Henzel, a camisa número 89, utilizada por Alan Ruschel no Campeonato Brasileiro, foi encontrada nos destroços do avião , em Medellín, na Colômbia.

A camisa do uniforme branco da Chape foi utilizada na última rodada do Brasileirão, no jogo contra o Palmeiras. A partida aconteceu no final de semana que antecedeu o acidente, menos de 48 horas antes do incidente.

Depois do jogo contra o Verdão, a Chape não retornou à Chapecó e foi direto pra Colômbia. Pela Sul-Americana, o uniforme utilizado era o verde, com numeração fixa de até 30.

Leia mais: Falta de combustível causou queda de avião, diz aviação civil colombiana

O grupo responsável pela recuperação dos pertences é o La Unión que, além das buscas, tentam o auxílio do governo colombiano para construir um monumento no local do acidente, o Cerro Chapecoense.


"Um grupo de jovens de La Union, onde ocorreu o acidente de novembro, resolveu uma campanha para recuperar roupas, calçados, documentos e outros objetos de quem estava no voo da LaMia. O que for encontrado, ou devolvido por quem levou de recordação, será entregue no jogo da Chape pela Recopa", disse Henzel.

Leia mais: CBF confirma Brasil x Colômbia no RJ para ajudar famílias das vítimas da Chape

Recopa

Segundo o jornalista, o confronto da Chape e do Atlético Nacional pela Recopa será carregado de emoções, ainda que seja um confronto valendo título. No Twitter, Henzel escreveu: "7700km de distância, mas hoje cidades irmãs". Será ele quem também irá narrar a partida. Questionado sobre como será, o jornalista acredita ser "um jogo cercado de simbolismo, muito além do futebol".

Além da camisa do jogador Alan Ruschel, outros pertences encontrados nos destroços do avião serão devolvidos. Já foram também identificados uniformes da comissão técnica e de treinamento da Chape.

    Leia tudo sobre: futebol