Tamanho do texto

Times brasileiros conseguiram classificação tranquila para próxima fase da Libertares e junto com o River Plate são favoritos contra o time espanhol que vive momento conturbado dentro e fora de campo; veja a coluna do Guipa

Hoje, Palmeiras, Grêmio e River Plate venceriam o badalado time do Real Madrid em uma eventual final do Mundial de Clubes . O colunista do iG, Guilherme Pallesi vai além e diz que os clubes da América do Sul colocariam os europeus para dançar.

Leia também: #RESPEITAASMINAS: Marta é eleita melhor do mundo pela Fifa pela sexta vez

O Palmeiras venceu os dois jogos com o Colo Colo (CHI). O Grêmio repediu a dose e também derrotou o Atlético Tucumán (ARG) nos dois confrontos.  A classificação do River foi mais "sofrida", mas teve autoridade. Enquanto isso, o Real só tropeça.

Já a crise dos galáticos foi escancarada nessa quarta-feira (3) depois da derrota para o CSKA Moscou por 1 a 0, na Rússia. "Estamos aborrecidos. Não esperávamos perder pontos aqui e o ambiente no vestiário neste momento não é o bom. Temos que levantar a cabeça. Nos últimos três jogos, particularmente em Sevilla e aqui, não estivemos no nosso melhor nível", disse o meia croata Luka Modric, eleito recentemente o melhor jogador do mundo.

"Contra o Atlético Madrid, na segunda parte do duelo, jogamos melhor. Quando não se marca é preocupante, mas vamos encontrar soluções para sair desta situação", frisou o jogador.

Leia também: Presidente do Flamengo não acompanha futebol

Segundo o programa de TV "El Chiringuito", o croata é um dos três atletas no elenco que estaria bastante insatisfeito com o técnico Julen Lopetegui . Modric iniciou o duelo contra o CSKA no banco de reservas e, quando é titular, vem sendo substituído no decorrer dos jogos.

"Existem jogadores muito irritados. Um deles é Luka Modric. Ele está irritado porque demora para entrar nas partidas (quando é reserva) e também porque sai em quase todos os jogos. Está bastante insatisfeito com sua situação na equipe", disse o comentarista Eduardo Inda.

Outro insatisfeito é Mariano Diaz. O atacante espanhol estava muito bem no Lyon, da França, onde era um dos grandes nomes da equipe, foi recontratado pelo Real Madrid, mas não vem jogando. E isso o deixa infeliz, já que no futebol francês ele tinha status de intocável no time.

Por fim, o terceiro nome insatisfeito é Keylor Navas. Com a contratação de Courtouis, o goleiro costarriquenho deixou de ser titular absoluto e reveza com o belga, atuando em jogos da  Champions  e Copa do Rei, enquanto o concorrente da posição joga nas partidas do Campeonato Espanhol.

Leia também: Erros de arbitragem atrapalham rodada do Brasileiro. O menos culpado é o árbitro

Será que chegou o fim da hegemonia do Madrid? Os melhores da Libertadores,  Palmeiras , Grêmio e River conseguem bater de frente com um dos melhores elencos do mundo? Deixe sua opinião nos comentários.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.