Miranda e Alex Teixeira estão livres no mercado
Instagram
Miranda e Alex Teixeira estão livres no mercado

Jiangsu Suning, atual campeão chinês, anunciou ontem (28) o fim das atividades como clube na China. Com essa notícia, clubes brasileiros voltam os olhares para Miranda e Alex Teixeira, atletas conhecidos no cenário nacional e que estão livres no mercado.


Suning, a empresa multinacional e principal acionista do clube e da Inter de Milão, da Itália, havia anunciado no início de fevereiro que estava colocando à venda a equipe, mas não encontrou um comprador e acabou por fechar as portas do clube.

Os altos investimentos do Jiangsu garantiram a equipe grandes conquistas nos últimos anos, mas, tudo tem um custo. Propostas astronômicas por atletas e altos salários inflacionaram o mercado, fazendo diversos clubes desistirem de contar com atletas do time chinês por conta dos gastos futuros por temporada. O CEO da Suning, Zhang Jindong, detalhou no início do mês a grave crise financeira da empresa causada pela Covid-19 e redução das atividades não relacionadas ao varejo. 

Recentemente,  Miranda se tornou alvo do seu ex-clube no Brasil, o São Paulo . A diretoria do Tricolor cogitou a contratação do zagueiro, mas seus vencimentos por mês se tornaram um entrave. Na Ásia, seu salário é de R$ 31 milhões por temporada, ou seja, R$ 2,5 milhões por mês.

Você viu?

Dificilmente um clube no Brasil pagará um valor desse para um atleta de 36 anos. Contudo, é inegável que Miranda ainda possa render um bom futebol, mas o atleta terá que baixar a pedida para acertar o seu retorno. Com a chegada de Crespo no São Paulo, o clube terá que contar com mais atletas para o setor defensivo, tendo em vista que o técnico argentino costuma atuar em um esquema 3-5-2, sendo necessário mais peças a defesa.

O Flamengo também chegou a sondar o atleta, mas com a recente contratação do zagueiro Bruno Viana e a necessidade de negociar alguns atletas para fazer caixa, Miranda saiu do radar do clube carioca. O Coritiba, time em que o zagueiro foi apresentado para o futebol, demonstrou interesse na volta do atleta, mas a queda para a Série B deve atrasar os planos de Miranda de retornar ao seu ex-clube.

Outro jogador que em toda janela de transferências é cotado para retornar ao Brasil é Alex Teixeira. O meia que começou no Vasco e brilhou com a camisa Shakhtar Donetsk também está livre para negociar com qualquer clube. Sonho do Corinthians , o atleta de 31 anos recebe um dos maiores salários do futebol chinês, que gira na casa dos R$ 6 milhões por mês, algo inalcançável para as equipes brasileiras. Alex deve adequar seu salário para os padrões do nosso futebol caso tenha o interesse em retornar. Atlético-MG e clubes chineses também estão de olho na contratação.

O mercado chinês chegou para mudar todo um cenário futebolístico de contratações, levando os atletas do futebol brasileiro para raramente voltaram a atuar em nossos campos. Um investimento por um jogador que recebe mais de R$ 2 milhões por mês se torna algo pesado para os times, forçando a realizarem esforços para repatriarem sem saber se haverá o retorno esperado e, depois que é feita essa contratação, os diretores dos times analisam que o empenho para trazer o tal jogador não recompensou financeiramente, sendo tarde demais para se livrarem das eminentes crises financeiras.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários