Tamanho do texto

O piloto espanhol defenderá a equipe em outras modalidades, e pode inclusive participar dos testes dos carros da F1

Fernando Alonso encerrou sua carreira na Fórmula 1 após 17 temporadas
Divulgação
Fernando Alonso encerrou sua carreira na Fórmula 1 após 17 temporadas

O piloto Fernando Alonso se despediu da Fórmula 1 em 2018, mas não deve se afastar da Mclaren na próxima temporada. Zak Brown, chefe da escuderia, afirmou que o espanhol continuará ao lado da equipe em 2019.

Leia também: Fernando Alonso afirma que precisa descansar, mas pode voltar à F1 em 2020

" Fernando Alonso é extremamente inteligente, muito experiente e ama F1, ama pistas de corrida. Se ele não estiver no Mundial de Endurance ou na F1, ele estará na Indy ou em karts, então acho que será complicado mantê-lo longe das pistas. Creio que ele será visto com a McLaren , pois permanece parte da família, então sua influência pode ajudar nossos pilotos, já que ele conhece Carlos (Sainz) e Lando (Norris) muito bem", afirmou o dirigente em entrevista ao site oficial da Fórmula 1 .

Zak Brown falou também da importância do piloto nos planos da escuderia para outras modalidades do automobilismo, como o Endurance e a Indy. Em 2019, Alonso deve disputar as 500 milhas de Indianápolis pela Mclaren.

"Gostaríamos que ele fizesse parte do nosso programa de corrida porque também estamos explorando outras formas de automobilismo, como o WEC, uma temporada inteira da Indy. E ele certamente não terminou sua jornada pilotando. Então sim, estamos trabalhando naquilo que pode ser uma relação duradoura".

Leia também: Fernando Alonso afirma que deixará Fórmula 1 por falta de 'emoção'

Equipe da McLaren faz homenagem a Fernando Alonso em sua última temporada na Fórmula 1
Reprodução
Equipe da McLaren faz homenagem a Fernando Alonso em sua última temporada na Fórmula 1

O dirigente comentou também a possibilidade de Alonso testar os carros da equipe para 2019 e ajudar os pilotos e engenheiros da escuderia.

"Eu não descartaria isso. Ainda estamos trabalhando em como isso pode funcionar. Creio que seremos beneficiados com sua experiência. E uma vez trabalhando com os engenheiros, poderá nos ajudar a entender como o carro do ano que vem se comporta. Junto com o feedback dos pilotos, creio que será uma experiência valiosa para nós".

Brown descartou, porém, a chance do espanhol ser um dos pilotos da Mclaren na próxima temporada, mesmo que a equipe tenha um carro competitivo.

Leia também: Massa diz que Alonso "dividia" a Ferrari e lembra "alívio" ao deixar escuderia

"Bom, nós temos dois pilotos. Então até que possamos correr com um terceiro carro, acho difícil colocá-lo para correr. Temos Carlos e Lando, ambos ansiosos e sob contrato, então não temos vagas abertas. Se ele quiser testar o carro, certamente teremos a cabeça aberta e você pode cruzar essa barreira. Mas não temos vagas para a temporada completa", completou o dirigente sobre a possibilidade de volta de Fernando Alonso .

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.