Tamanho do texto

Clint Bowyer (Ford Fusion da Stewart-Haas) e Ryan Newman (Ford Monster Energy) brigaram dentro da pista durante o Nascar AllStar Race

briga na nascar
Reprodução
Pilotos da equipe Ford - Monster Energy bateram na pista e brigaram no Nascar AllStar Race

Neste fim de semana aconteceu a AllStar Race, em Charlotte, nos Estados Unidos. O evento especial com os melhores pilotos da temporada da Nascar teve um barraco bem no meio da pista.

Leia também:  Presidente Bolsonaro quer acabar com acordo entre Petrobrás e McLaren

O piloto da Nascar da equipe Ford Fusion da Stewart-Haas, Clint Bowyer, foi tocado por trás pelo piloto da Ford - Monster Energy, Ryan Newman. Ele rodou na pista batendo em seguida no muro de proteção. Ao final da corrida, Bowyer saiu de seu carro e deu vários socos no rosto de Newman quando este ainda estava dentro do carro.

A confusão foi rapidamente afastada pelos membros da Ford - Monster Energy. Assista ao momento da briga abaixo:

Após a briga os dois pilotos falaram do ocorrido. “[Bowyer] me cortou na reta imediatamente antes da corrida. Eu bati nele e depois voltei para bater de volta. Ele não leva muito para um homem tentar lutar contra alguém sem capacete. Acho que deveria ter vergonha de si mesmo”, disse Newman.

Em sua defesa, Bowyer deu sua versão. “Ele correu para me bater na parte traseira esquerda, que foi a última vez que vi (...) Então, após a corrida, ele veio e me passou por trás e virou-se. De onde eu venho, eles batem no seu nariz por isso, e é isso que ele conseguiu”, comentou.

O vice-presidente sênior da Nascar AllStar Race , Scott Miller, disse que apesar de ambos terem sido desclassificados da prova não haverá nenhuma suspensão para os pilotos. “Vamos monitorá-los, certamente teremos que monitorá-los na próxima semana e seguir em frente, se houver alguma travessura, nós interviremos”, disse Miller.

Leia também:  Fluminense perde ação que tentava evitar piada com o termo 'Tapetense'

No evento especial da Nascar o piloto da Chevrolet, Kyle Larson, levou a melhor e após liderar 13 das 88 voltas venceu a competição. O prêmio do vencedor é de um milhão de dólares (R$ 4 milhões, na cotação atual).