Tamanho do texto

Campeão da F3, Mick se prepara para estrear na F2, que começa na próxima semana: "Estou 110% pronto e motivado"

O alemão Mick Schumacher, filho do heptacampeão mundial de Fórmula 1, Michael Schumacher, afirmou nesta semana que é uma "honra" ser comparado ao seu pai.

Leia também: Cidade italiana organizará exposição em homenagem a Ayrton Senna

Filho de Schumacher diz que comparação com o pai
Divulgação
Filho de Schumacher diz que comparação com o pai "não pesa e não é problema"

Faltando pouco mais de uma semana para o início da temporada de 2019 da Fórmula 2, a declaração de Schumacher foi divulgada pela sua equipe, a italiana Prema Powerteam.

"A comparação com o meu pai não pesa em mim, nunca foi um problema. É uma honra ser comparado ao melhor piloto da história da Fórmula 1 , eu só tenho que tentar aprender e melhorar", disse o piloto de 19 anos.

Leia também: Ferrari explica ordem para Leclerc não ultrapassar Vettel na Austrália

O jovem, que foi campeão da F3 na temporada passada e integra a academia de jovens pilotos da Ferrari, afirmou que está se sentindo "110% pronto e motivado" para sua estreia na F2.

O primeiro Grande Prêmio de 2019 da Fórmula 2 será no Bahrein, entre os dias 29 e 31 de março. Na escuderia italiana, Mick terá como companheiro de equipe o indonésio Sean Galael.

Visualizar esta foto no Instagram.

Now onto Bahrain.... can’t wait 🤙

Uma publicação compartilhada por Mick Schumacher (@mickschumacher) em

Leia também: Entradas para o GP Brasil de Fórmula 1 em 2019 custarão entre R$ 610 a R$ 16 mil

Schumacher tenta seguir os mesmos passos do pai na principal categoria do automobilismo mundial. Michael, de 50 anos, foi heptacampeão de Fórmula 1 correndo pela Ferrari e a Benetton.