Tamanho do texto

Mick Schumacher, de 19 anos, fará parte da Ferrari Driver Academy para jovens. O piloto é o atual campeão da Fórmula 3 Europeia

Mick Schumacher, filho do heptacampeão de Fórmula 1, disputará a Fórmula 2 em 2019
Divulgação/Ansa
Mick Schumacher, filho do heptacampeão de Fórmula 1, disputará a Fórmula 2 em 2019

O piloto alemão Mick Schumacher, filho do heptacampeão de F1 Michael Schumacher, foi anunciado oficialmente hoje (19) pela Ferrari como novo membro da academia da equipe italiana para jovens.

Leia também:  Serena Williams consola jovem de 18 anos após vitória: "Você foi incrível"

A Ferrari Driver Academy conta com sete pilotos em sua equipe, incluindo dois brasileiros: Enzo Fittipaldi e Gianluca Petecof. Os novos companheiros de Schumacher disputam categorias inferiores do automobilismo como a Fórmula 4, a Fórmula 2, a Fórmula 3 e a GP3 Series.

Chefe da equipe italiana, Mattia Binotto, comentou sobre ter um Schumacher no grupo. “Eu conheço Mick desde seu nascimento, de modo que dar as boas vindas a ele na Ferrari definitivamente tem um significado especial e emocional para mim”.

Binotto assumiu a chefia da escuderia vermelha após a saída de Maurizio Arrivabene no fim de 2018. Ele estava na Ferrari quando Michael Schumacher venceu seus cinco títulos mundiais. “Nós o escolhemos por seu talento e suas habilidades humanas e profissionais, com as quais ele já sabe distinguir-se, apesar da pouca idade”, disse Binotto sobre Mick.

Leia também:  Na Holanda, Ajax inaugura busto e mural imenso de Cruyff em seu estádio

Mick Schumacher tem apenas 19 anos e iniciou sua carreira no kart, em 2008.  Somente seis anos depois mudou de categoria e se transferiu para a Fórmula 4 ADAC. Em 2017 ele estreou na Fórmula 3 europeia e terminou a temporada em 12º lugar. No ano passado, Mick conquistou o título da Fórmula 3 europeia com a equipe Prema Theodore Racing.

Sobre assinar com a escuderia onde o pai obteve sucesso mundial, Mick comentou. “é claro que a Ferrari já teve um lugar importante em meu coração e nos corações do resto da minha família desde que nasci. Estou muito animado com essa oportunidade em nível pessoal”.

Para esse novo desafio, Mick terá uma nova categoria e correrá a Fórmula 2 a partir da semana que vem. Criada em 2017, essa modalidade de automobilismo é como um ambiente de treinamento para as equipes da Fórmula 1 . Ao todo são 20 pilotos que correm por dez equipes diferentes.

Leia também:  Recuperado de lesão, DeMarcus Cousins estreia no Golden State Warriors

“Este é mais um passo em frente na direção certa, e eu só posso me beneficiar da imensa quantidade de conhecimento que existe lá [Ferrari]. Tenha certeza que eu farei tudo para extrair o que me ajudar a alcançar o meu sonho, correndo na Fórmula 1”, disse Mick Schumacher ao site oficial da Ferrari.