Tamanho do texto

O ex-jogador e ex-técnico da equipe faleceu em 2016. Após sua morte, o estádio foi rebatizado como Johan Cruyff Arena e ganhou novo itens

Ajax inaugura busto de Johan Cruyff na entrada de seu estádio
Reprodução/ Twitter
Ajax inaugura busto de Johan Cruyff na entrada de seu estádio

O Ajax inaugurou na sexta-feira (18) o busto e um mural imenso do ex-jogador e ex-treinador da equipe Johan Cruyff. Falecido em 2016, o atleta é o maior ídolo do time e também fez história com a seleção holandesa.

Leia também:  Sampaoli diz que não sabia de problemas financeiros do Santos e pede reforços

O busto do atleta foi feito pelo famoso escultor Guido Sprenkels e ficará na entrada da Johan Cruyff Arena. A peça tem um metro de altura e próxima a ela também foi instaurado um mural em preto e branco com a imagem do ex-jogador.

Wim Suurbier, companheiro de Cruyff no Ajax, foi o responsável por apresentar o busto. “Johan merece mais de 1000%. Não era só um dos melhores jogadores do mundo, mas também uma pessoa muito especial. Se você visse como ele trabalhou com a fundação para crianças. Isso também é único”, comentou.

A torcida poderá apreciar a homenagem à Cruyff neste domingo (20), quando o Campeonato Holandês retoma suas atividades após a pausa de inverno. O Ajax enfrenta o Heerenveen, as 13h45 (horário de Brasília).

Além do busto, um mural foi colocado na entrada da Johan Cruyff Arena
Reprodução/ Twitter
Além do busto, um mural foi colocado na entrada da Johan Cruyff Arena

Hendrick Johannes Cruyff nasceu em Amsterdã no ano de 1947. Revelado pelo próprio Ajax em 1964, o atleta jogava como um meia-atacante, mas para alguns ele poderia exercer todas as funções de linha.

Ao todo ele defendeu o time vermelho por 321 jogos e marcou 352 gols, em sua primeira passagem. Depois de defender o Barcelona e alguns times dos Estados Unidos, ele retornou ao Ajax em 1981 e foram mais 46 jogos e 16 gols.

Cruyff também ficou marcado pela atuação da Holanda na década de 70, a chamada Laranja Mecânica não conquistou nenhum titulo mundial, mas virou referência de futebol moderno.

Depois de aposentado dos gramados ele estreou como técnico no Ajax em 1986. Também treinou o Barcelona e a seleção da Catalunha.

Leia também:  Maradona sobre fim de relacionamento: "queria arrancar a cabeça dela"

Johan Cruyff faleceu em 2016 em decorrência de um câncer no pulmão. O busto e o muro de fotografias na Arena, que agora leva seu nome, só mostra o quando ele ainda é querido pelos holandeses e, principalmente, pelo Ajax.

    Leia tudo sobre: Futebol