Tamanho do texto

O local em que Neymar daria seu depoimento por crimes virtuais teve que ser alterado

Lance


Neymar comemorando
Twitter/Reprodução
A Polícia Civil transferiu o local do depoimento de Neymar.

O depoimento de Neymar à Polícia Civil foi transferido para o Serviço Aeropolicial (Saer), na Lagoa Rodrigo de Freitas, na zona sul do Rio de Janeiro.  A mudança foi feita por motivo de segurança, uma vez que muitas crianças já ocupavam, à espera de ver o jogador, a frente da Cidade da Polícia (Cidpol), na região do Jacarezinho, zona norte da cidade, antigo local da deposição. O depoimento deverá acontecer às 19h de hoje. 

Segundo a entidade, aglomeração estava gerando situação de risco , com perigo de atropelamento.  Neymar é esperado para ser ouvido sobre a divulgação de um vídeo com fotos íntimas de Najila Trindade - modelo que acusa o atleta de estupro - no último sábado, em seu perfil oficial no Instagram.

Importunação Sexual

No dia 24 de setembro de 2018, publicar, compartilhar, vender imagens e vídeos de sexo, nudez ou pornografia sem consentimento passou a ser crime no Brasil. A lei que torna crime importunação sexual foi sancionada por José Antonio Dias Toffoli, ministro do Superior Tribunal Federal na ocasião.

Quem infringir a regra, seja por compartilhar na internet ou outros meios de comunicação, pode ter que cumprir pena de um a cinco anos de prisão. O mesmo vale para quem divulgar cenas de estupro.