Flamengo complica o Figueirense e fica longe da zona de rebaixamento

No Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, Hernane marcou o único gol da vitória por 1 a 0 diante do Figueirense

Gazeta | - Atualizada às

Em um jogo fraco tecnicamente, o Flamengo sofreu, mas conseguiu o objetivo que eram os três pontos que o livrariam matematicamente do rebaixamento. No Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, Hernane marcou o único gol da vitória por 1 a 0 diante do Figueirense.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Com o resultado, o Flamengo chegou aos 44 pontos e vai dormir na décima colocação do Campeonato Brasileiro, entrando na briga por uma vaga na Copa Sul-americana. Já o Figueirense fica mais perto da Série B de 2013.

Confira a classificação do Campeonato Brasileiro

Agora, no próximo domingo, pela 35ª rodada do Brasileirão, o Flamengo irá ao Recife para encarar o Náutico nos Aflitos, enquanto o Figueirense receberá o Sport, em Florianópolis.

Ernesto Carriço / Agência O Dia
Hernane marcou para o Flamengo no 2º tempo


O jogo

Com chuva fina e frio em Volta Redonda, o jogo começou devagar no Raulino de Oliveira. O Flamengo parecia desmotivado diante de um adversário que veio com uma formação defensiva, disposto a se segurar atrás e explorar a velocidade de Júlio César.

Com mais posse de bola, o rubro-negro chegou com perigo pela primeira vez numa roubada de bola de Léo Moura na ponta direita, aos 7 minutos. O lateral cruzou na área e Liédson tentou de primeira, mas pegou mal na bola e a zaga afastou.

Os catarinenses responderam aos 14, numa cbrana de falta em que Júlio César mandou uma bomba com efeito que obrigou Paulo Victor a trabalhar para evitar o gol. Aos 16, Renato Abreu tocou para Cleber Santana, que deu um lindo passe para Liedson por cobertura e deixou o atacante de frente para o gol, mas falhou na conclusão e mandou para fora.

A apatia do Fla, principalmente no setor defensivo, acabou levando o Figueirense a pressionar e a ter dois gols anulados pelo assistente. Aos 24, bola levantada na área, a defesa parou e Júlio César mandou para às redes.

Aos 32, Helder avançou pela intermediária e enfiou na área para Júlio César, que, novamente não valcilou. No minuto seguinte, em contra-ataque rápido, Júlio César recebeu na área, driblou o marcador, mas chutou em cima de Paulo Victor, perdendo grande chance de abrir o placar.

Ernesto Carriço/Agência O Dia
Vágner Love passa pela marcação rival

O Flamengo tentou reagir aos 35. Vágner Lover cruzou da esquerda, Wellington Bruno recebeu na marca do pênalti, ajeitou e chutou rasteiro, mas a bola bateu no zagueiro e não chegou ao gol. O jogo caiu de ritmo nos minutos finais. No intervalo, Dorival Júnior recebeu os jogadores com cara de poucos amigos, mas não fez alterações. O mesmo acontecendo com Márcio Goiano.

A equipe carioca voltou mais ligada para a segunda etapa e criou a primeira oportunidade logo aos 2 minutos. Wellington Bruno foi lançado em profundidade pela direita e cruzou forte no segundo pau. Liédson tentou a cabeçada mas a bola foi para o chão e saiu rente à trave.

Aos 8, Léo Moura avançou pela ponta direita, tabelou com Wellington Bruno e Vágner Love e recebeu na marca do pênalti. O lateral soltou a bomba e Wilson fez grande defesa. Dorival esperou até os 13, e fez duas alterações de umja só vez: saíram Liédson e Wellington Bruno para as entradas de Hernane e Adryan.

E as modificaçõe deram resultado. Aos 26, Renato Abreu cobrou escanteio pela direita, a zaga cortou mas Hernane aproveitou o rebote com um lindo chute de primeira, que mandou a bola no ângulo direito de Wilson: 1 a 0.

O Figueirense não se entregou e partiu para cima em busca do empate. Aos 32, Claudinei cruzou pela direita e Botti emendou uma bicicleta, mas Paulo Victor salvou o Fla mais uma vez. O Fla quase ampliou aos 37, numa arrancada de Vágner Love, após lançamento de Renato Santos. O atacante fez tudo certo mas na hora de concluir, mandou longe do gol de Wilson.

Confira as fotos dos jogos deste sábado do Campeonato Brasileiro:


FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 1 X 0 FIGUEIRENSE

Local: Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)
Data: 3 de novembro de 2012, sábado
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Assistentes: Fabrício Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Katiuscia Mendonça (Fifa-ES)
Público: 4.532 pagantes (total de 6.736)
Renda: R$ 61.780,00
Cartões amarelos: R. Santos, Ramon e Adryan (Flamengo); Túlio, Botti e Guti (Figueirense)
Gol: FLAMENGO: Hernane, aos 26 minutos do segundo tempo

FLAMENGO: Paulo Victor, Leonardo Moura, Renato Santos, Marcos González e Ramon; Amaral, Wellington Bruno (Adryan), Renato Abreu e Cleber Santana (Luís Antônio); Liedson (Hernane) e Vágner Love
Técnico: Dorival Júnior

FIGUEIRENSE: Wilson, Elsinho, Guti, Canuto, Helder; Claudinei, Túlio (Jackson), Coutinho (Claytinho) e Botti (Bruno Nazário); Almir e Júlio César
Técnico: Márcio Goiano


    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: FlamengoFigueirenseBrasileirão 2012

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG