Tamanho do texto

Em uma polêmica antiga, Zé Roberto colocou em dúvida o caráter de Bernardinho, que ainda guarda mágoa

Bernardinho%2C técnico de vôlei arrow-options
CBV/PÁGINA OFICIAL/FACEBOOK/REPRODUÇÃO
Bernardinho, técnico de vôlei

O técnico Bernardinho foi o convidado do programa "Conversa com Bial", da TV Globo , nesta quarta-feira. O ex-treinador da seleção brasileira masculina de vôlei falou sobre a vida pessoal, a carreira como jogador e na beira da quadra, e os planos para entrar na política. 

Leia também: Jogadora da Superliga se aposenta por problema cardíaco: "Hoje um sonho se vai"

Durante a conversa, o treinador relembrou momentos marcantes no comando da seleção. Mas a carreira de Bernardinho também teve polêmicas, e uma das principais foi com o técnico Zé Roberto , que o acusou de interferir no seu trabalho. Ele admitiu ter admiração pelo profissional, mas afirmou que não há chance de reconciliação.

"A admiração pelo profissional é indiscutível. Só posso elogiar e reconhecer. Mas houve um fato pessoal e uma acusação pública. E, para mim, as coisas têm limites. Discussões e desacordos podem acontecer, mas quando você coloca em dúvida o caráter da outra pessoa... ", disse Bernardinho. 

Zé Roberto Guimarães%2C técnico de vôlei arrow-options
CBV/PÁGINA OFICIAL/FACEBOOK/REPRODUÇÃO
Zé Roberto Guimarães, técnico de vôlei

Outro episódio polêmico na carreira do treinador aconteceu na véspera dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016. Bernardinho assegurou a escalação de Serginho no time e foi criticado, mas explicou a decisão ao apresentador Pedro Bial. 

"Nós precisávamos de um líder para suportar a pressão que seria uma Olimpíada no Rio de Janeiro. O Bruno sozinho não teria condições de arcar com esse peso e o escada certamente por tudo que ele representa, pela vida que ele teve e o peso que ele carregou era o cara indicado para estar ali", explicou Bernardinho .