undefined
Divulgação
Marcelo Melo e Lukasz Kubot avançam no Masters 1000 de Miami

Uma semana após conquistarem o vice-campeonato de Indian Wells, a dupla formada pelo brasileiro Marcelo Melo e o polonês Lukasz Kubot - cabeças de chave número 1 - começaram com vitória o Masters 1000 de Miami.

Leia também:  Gustavo Kuerten convida Roger Federer para formar dupla em torneio no BR

Neste sábado (23), eles garantiram a vaga nas oitavas de final no Masters 1000 de Miami ao derrotar o italiano Marco Cecchinato e o argentino Andres Molteni por 2 sets a 0, parciais de 6/2 e 6/2, em apenas 55 minutos de partida.

Melo e Kubot dominaram totalmente o jogo mostrando mais uma vez muita confiança e conquistaram a quinta vitória da temporada. A dupla conquistou o título em Miami no ano de 2017.

"Hoje (sábado) fizemos um excelente jogo aqui. Foi impressionante a maneira como conseguimos jogar, especialmente por ser uma primeira rodada, usando a confiança toda de Indian Wells. O importante agora é seguir dessa mesma forma nas próximas rodadas. Estamos muito felizes com esse resultado", afirmou o brasileiro Marcelo.

Leia também:  Indy homenageia diretor de provas da F1 encontrado morto na Austrália

Pela próxima rodada, nesta segunda-feira (25) os dois enfrentam a dupla do argentino Guido Pella e do português João Sousa, que venceu Taylor Fritz (EUA) e Nick Kyrgios (Austrália) por 2 a 1 - 7/6 (7-4), 6/7 (3-7) e 10-8.

undefined
Divulgação
A dupla Melo e Kubot recebeu homenagem do ATP antes do Masters 1000 de Miami


O brasileiro Marcelo Melo , 35 anos, e o polonês Lukasz Kubot, 36 anos, estão jogando juntos desde o início da temporada 2017. Antes, formaram parceria em torneios como o ATP de Viena, onde foram campeões em 2015 e 2016.

Na temporada 2019,  conquistaram cinco vitórias, quatro no Masters 1000 de Indian Wells e uma no Masters 1000 de Miami. Melo é o sétimo no ranking mundial individual de duplas, com 5.440 pontos. Kubot ocupa o quinto lugar, somando 5.710 pontos.

Em 2018, Melo e Kubot disputaram 63 jogos, em 25 torneios, com 41 vitórias, conquistando quatro títulos: ATP 250 de Sidney, na Austrália; ATP 500 de Halle, na Alemanha; ATP 500 de Beijing e Masters 1000 de Xangai, ambos na China.

Nos Grand Slam, foram vice-campeões no US Open, em Nova Iorque (EUA). O ano marcou três recordes na carreira de Marcelo: passou a ser o tenista brasileiro com maior número de semanas no topo do ranking - 56; recordista brasileiro em número de títulos da ATP, encerrando 2018 com 32; e o jogador brasileiro que mais vezes disputou o ATP Finals - seis vezes.

Leia também:  Prass pega pênalti e Palmeiras empata com Novorizontino no Paulistão

Confira os números da temporada anterior da dupla formada pelo brasileiro Marcelo Melo e que disputa as oitavas do Masters 1000 de Miami.

Temporada 2018

Títulos:
ATP 250 – Sidney (Austrália), rápida
ATP 500 - Halle (Alemanha), grama
ATP 500 - Beijing (China), rápida
Masters 1000 - Xangai (China), rápida

Vice-campeonato:
Grand Slam - US Open - Nova Iorque (EUA)

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários