Tamanho do texto

Dupla cabeça de chave número 1 foi derrotada de virada pelos italianos Bolelli e Fognini. Marcelo Melo e Lukasz Kubot seguem para a Espanha

Marcelo Melo e Lukasz Kubot foram derrotados pelos italianos Simone Bolelli e Fabio Fognini, nesta quarta-feira (18), em jogo válido pela segunda rodada do Masters 1000 de Monte Carlo , em Mônaco. Foi a estreia de Melo e Kubot, cabeças de chave número 1, bye na primeira rodada. Bolelli e Fognini venceram de virada, em 1h14min: 2 sets a 1, parciais de 2/6, 6/2 e 10-7. Agora, o próximo torneio da dupla será na Espanha, o ATP 500 de Barcelona, a partir de segunda-feira (23).

Leia também: Marcelo Melo é escolhido o Melhor Atleta do Ano do Prêmio Brasil Olímpico 2017

Marcelo Melo
Joao Pires / Fotojump
Marcelo Melo

Mesmo perdendo na estreia em Monte Carlo – no ano passado chegaram às quartas de final -, Marcelo Melo e Kubot continuarão dividindo a liderança do ranking mundial individual de duplas da próxima semana, não podendo ser alcançados, independente dos resultados de seus adversários em Mônaco.

Monte Carlo foi o primeiro de uma sequência de torneios da dupla no saibro até o segundo Grand Slam do ano, Roland Garros, no final de maio, na França. Melo e Kubot jogarão ainda o ATP 500 de Barcelona, o ATP 250 de Munique e os Masters 1000 de Madri e Roma, até chegar a Paris.

"Mais um jogo parecido com o Masters 1000 de Miami. Jogamos muito bem, mas os pequenos detalhes decidiram contra. Foi uma bela partida. Eles jogam muito bem nessa superfície. Fizemos um excelente primeiro set, depois eles acabaram quebrando em um game e começaram a jogar também muito decisivo. E no match tie break foi um ponto pra cá outro pra lá que decidiu o jogo, mas a partida foi em alto nível", explicou Marcelo.

Leia também: O drama de Genie Bouchard, a bela do tênis que vem perdendo patrocinadores

"Uma pena não ter caído para o nosso lado, mas temos de ter tranquilidade de saber que se continuarmos jogando assim uma hora os resultados virão, porque o nível realmente foi muito alto nos nossos dois últimos jogos, em Miami e aqui. Agora é seguir treinando, pegar os próximos torneios e recuperar a confiança, de volta, que é um detalhe que está faltando. Temos que ser um pouco mais decisivo nos momentos importantes, que isso vem com a confiança de ganhar mais um ou dois jogos seguidos", completou.

O jogo

Melo e Kubot começaram muito bem na partida, quebrando o serviço dos adversários logo no segundo game e abrindo, na sequência, 3/0. Eles dominaram o set e, com mais um break, fecharam em 6/2, após 29 minutos. Mas, na segunda série, a história se inverteu. Com duas quebras, os italianos devolveram o 6/2 para levar a decisão para o match tie-break. As duas duplas deixaram escapar seus serviços ao longo da disputa do match tie-break.

Leia também: Guga é eleito por revista especializada o 21º maior tenista da Era Aberta

Marcelo Melo e Kubot estiveram na frente duas vezes, no início – 1/0 - e no 7/6 quando os italianos – empurrados pela torcida - empataram em 7/7 e não perderam mais pontos, fechando em 10/7 para avançar às quartas de final.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.