Tamanho do texto

Surfista brasileiro precisou superar uma série de dificuldades para disputar sua bateria nos Jogos Mundiais de surfe, no Japão

Italo Ferreira arrow-options
ISA
Italo Ferreira venceu sua bateria com shorts jeans e prancha emprestada

O brasileiro Italo Ferreira precisou superar uma maratona de obstáculos para vencer sua bateria de estreia nos Jogos Mundiais de surfe, na praia de Miyasake, no Japão. Nesta terça-feira (10), o surfista foi direto do aeroporto para a disputa da competição sem bagagem nenhuma, e precisou improvisar.

Leia também: Discussão entre surfistas na praia termina com assassinato a facadas

Italo Ferreira chegou na praia faltando 9 minutos para o fim de sua bateria. Sem tempo, pegou uma prancha emprestada com o também brasileiro Filipe Toledo e entrou com a bermuda jeans que já estava usando. Apesar do tempo curto, Italo conseguiu pegar boas ondas e derrotar seus adversários.

"Do aeroporto direto para a bateria. Uma das coisas mais loucas que já fiz", escreveu oo surfista em suas redes sociais.

A saga do brasileiro começou na última semana, quando teve carro e passaporte furtados na cidade de Los Angeles. No dia seguinte ele viajaria para o Japão , mas precisava de novos vistos para o país asiáticos e para os Estados Unidos, onde voltará na próxima semana.

Leia também: Gabriel Medina tem vídeo íntimo com duas garotas vazado na internet; assista

Ainda sem o visto americano, Italo Ferreira embarcou rumo ao Japão, mas oa chegar no país teve outro imprevisto: um furacão atingiu a cidade de Tóquio, o que atrasou mais ainda sua chegada em Miyazaki para a disputa dos Jogos Mundiais de surfe .

    Leia tudo sobre: surfe