Tamanho do texto

Depois de dois bronzes, a brasileira de 25 anos foi soberana na prova de 25 km e se tornou a única atleta no mundo a ter 3 medalhas douradas na prova

A brasileira Ana Marcela Cunha conquistou a medalha de ouro nos 25 km do Mundial de Esportes Aquáticos , em Budapeste, na Hungria. A baiana entrou para a história, na manhã desta sexta-feira ao se tornar a única atleta no mundo a ostentar três medalhas de ouro na principal prova de natação em águas abertas do Campeonato Mundial.

Leia também: Ana Marcela supera fracasso olímpico e cirurgia e é bronze em maratona aquática

Em sua especialidade, Ana Marcela não deu chances para as adversárias. Se nas disputas dos 5 km e dos 10 km, o bronze veio após decisão pelo recurso "photofinish", desta vez o tempo de 5:21:58.4 foi incontestável. Segunda colocada, a holandesa Sharon Van Rouwendaal chegou mais de dois segundos após Ana Marcela. O bronze ficou com a italiana Arianna Bridi.

Ana Marcela Cunha é, agora, a única atleta a ter três medalhas de ouro na principal prova de natação em águas abertas do Campeonato Mundial
Divulgação
Ana Marcela Cunha é, agora, a única atleta a ter três medalhas de ouro na principal prova de natação em águas abertas do Campeonato Mundial

O Mundial de Esportes Aquáticos da Hungria foi considerado como a retomada na carreira da nadadora brasileira. Após terminar os Jogos Olímpicos em 10º lugar, a nadadora conquista três medalhas em Budapeste. Duas de bronze, nos cinco km e nos dez km, e o ouro nos 25 km. A brasileira já havia subido ao lugar mais alto do pódio na prova dos 25 km das edições de 2011 e de 2015 do Mundial.

Ela já havia comemorado o 6º lugar na prova por equipes


Carreira

Ana Marcela pratica esportes aquáticos desde criança. E, aos 16 anos, já representava o Brasil nos Jogos Olímpicos de Pequim 2008, chegando em quinto lugar na competição. Daí em diante, o pódio ficou pequeno para tantas conquistas, como o prêmio de melhor atleta do ano em 2015, eleita pelo COB, e melhor atleta de águas aberta de 2015, eleita pela FINA.