Nadal encerra polêmica sobre Djokovic
Reprodução/Twitter
Nadal encerra polêmica sobre Djokovic

Rafael Nadal chegou ao limite sobre o caso do tenista  Novak Djokovic (veja fotos na galeria abaixo), deportado da Austrália após ter o visto cancelado pela Corte Federal para tentar atuar no Australian Open.


O tenista espanhol, que já havia afirmado que a saga do visto de Novak Djokovic ofuscou o torneio, disse que ‘não quer mais falar sobre o assunto’ e afirmou que o sérvio provavelmente não é o ‘único culpado disso tudo’.

"Há uma semana, quando ele ganhou em primeira instância para recuperar o visto, eu disse que a justiça tinha falado. Agora a justiça falou outra coisa. E eu nunca vou me posicionar contra a justiça. Outra coisa é o que eu acredito ou não pessoalmente" , avançado. Foi uma bagunça e acho que Djokovic provavelmente não é o único culpado. Há mais responsáveis nesta situação terrível que vimos há duas semanas”, disse Nadal, nesta segunda-feira, após estrear no torneio.

“O ideal para o mundo do esporte é que os melhores compitam. Gostaria de vê-lo jogar aqui. Seria o melhor para todos, sem dúvida. Se é justo ele jogar ou não é outra questão, mas não quero mais falar sobre isso. A situação agora está clara”, completou.

Nadal iniciou sua perseguição ao 21º título de Grand Slam com o pé direito. O espanhol venceu o americano Marcos Giron por 3 sets a 0, nesta segunda-feira. As parciais foram 6-1, 6-4, 6-2.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários