Tamanho do texto

Imagens que estão circulando pela internet são de bastidores de um ensaio sensual que ela fez para revista ESPN Body Issue, em 2015

Ronda Rousey teve fotos íntimas vazadas na inetrnet
Reprodução
Ronda Rousey teve fotos íntimas vazadas na inetrnet

Ronda Rousey voltou a ser assunto no mundo do MMA . Não pela sua performance dentro do octógono, mas sim pelo vazamento de algumas fotos nuas, tiradas em 2015, quando posou para a revista "ESPN Body Issue" - as imagens que estão circulando pela internet são de bastidores, que não foram divulgadas para o público naquela época. 

Leia também: Lutar MMA usando apenas lingerie? Elas fazem isso! Confira as imagens

A ex-campeã do UFC ainda não se pronunciou sobre o assunto, mas isso não deve incomodar muito. Quando fez essa sessão de fotos, Ronda Rousey disse que decidiu tirar a roupa para a revista por medo que seu ex-namorado divulgasse suas fotos íntimas.

Confira as imagens:

"A melhor maneira de lidar com o assunto? Vou tirar fotos nua e vou publicá-las do meu jeito. Se for para as pessoas não gostarem de mim, então que não gostem da forma que eu quiser. Vou ser a pior e mais fantástica vilã que eles já viram", disse a lutadora à rádio SiriusXM na ocasião.

Leia também: Dana White não acredita que Ronda volte a fazer uma luta: "Está curtindo a vida"

"A verdade é que se houvesse mais fotos minhas em algum lugar, elas poderiam vir à tona a qualquer momento. Informação é o maior poder hoje em dia. Se eu revelar tudo sobre o assunto, não haverá mais nada com que eu tenha que me preocupar. Prefiro que as pessoas saibam dessas coisas por mim a que saibam mais tarde, por outra pessoa",  finalizou a musa do UFC .

Leia também: Vídeo mostra desespero do técnico de Ronda Rousey na luta contra Amanda Nunes

Fora dos holofotes

Com um cartel de 12 vitórias e duas derrotas dentro do MMA, Ronda Rousey está afastada do octógono do UFC desde dezembro do ano passando, quando enfrentou e perdeu da brasileira Amanda Nunes em disputa pelo título do peso-galo - ela foi nocauteada em apenas 48 segundos de luta. Antes, a norte-americana já havia perdido o cinturão no combate diante de Holly Holm. 


    Leia tudo sobre: luta