Messi
Instagram
Messi

É comum ver no final dos jogos a troca de camisas entre adversários. Porém, ter a camisa de craques como Cristiano Ronaldo, Neymar e Messi é o sonho da maioria dos atletas.

Após polêmica envolvendo Cristiano Ronaldo na última partida do United , o jornal Express, do Reino Unido, falou sobre as rígidas regras de Messi em relação à troca após o apito final, depois de supostamente ele ter esnobado o jogador do Reims, Mitchell van Bergen, em sua estreia pelo PSG.

A recusa da oferta de Messi pode ter sido simplesmente porque ele queria manter sua primeira camisa do PSG, mas levantou várias questões sobre a quais jogadores o argentino de 34 anos pediria uma camisa.

Em entrevista recente ao canal argentino TyC Sports, Messi revelou que não tem o costume de pedir a camiseta dos adversários e só fez isso uma única vez. “Eu não peço camisas para ninguém, geralmente só troco, mas perguntei a Zidane uma vez", confirmou. A solicitação foi feita no início da carreira, após um dos clássicos entre Barcelona e Real Madrid.

Leia Também

Sobre as suas prioridades, o jogador foi claro. “Se houver um argentino eu troco com ele, mas, a menos que alguém me pergunte sobre a troca, não pergunto a ninguém”, apontou.

Cristiano Ronaldo, por sua vez, tem "regras" diferentes. No fim de semana passado, depois do empate em 1 a 1 do Manchester United com o Everton, Andros Townsend voltou para casa com a famosa camisa 7, após Ronaldo dizer não em um primeiro momento. A troca foi uma surpresa, considerando que no jogo o ex-ala do Crystal Palace marcou e depois imitou a icônica comemoração de Ronaldo em Old Trafford.

Apesar de muitos considerarem uma provocação, Townsend disse que fez isso por "respeito".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários