Cristiano Ronaldo
Reprodução
Cristiano Ronaldo

A terça-feira ficou marcada pela eliminação da Juventus da Champions League , somando a terceira temporada que o clube cai nas quartas de final da competição (Ajax, Lyon e Porto).

O mais recente revés sofrido pela 'Vecchia Signora', porém, ficará registrado por um lance envolvendo o craque Cristiano Ronaldo, que, após a partida, foi duramente criticado. Como medo, o português virou de costas quando estava na barreira e a bola do gol do jogo passou entre as suas pernas.

“Quem está na barreira não pode ter medo de ser atingido. É um erro gravíssimo e imperdoável, que não tem desculpa. Quando você prepara os jogadores que têm que entrar na barreira, você fala com eles e diz que se alguém está com medo que saia. Está eliminada (Juventus) porque colocou dois jogadores (Morata e Cristiano) que no chute deram as costas para a bola e ela entrou. Se tem medo de se machucar, nunca tem que se colocar na barreira", disse o ex-técnico da Itália, Fabio Capello.

O técnico da Juve concordou com o erro. “Escolhemos aqueles que formam a barreira, nunca aconteceu deles se virarem (por medo da bola). Foi um erro e quando você comete erros na Champions League, você paga por eles", apontou.

Essa é a primeira vez nos últimos quinze anos que Cristiano ficou sem marcar gol em uma eliminatória da Champions. O ano do craque na Juventus também pode terminar sem o título na Série A. Os 'bianconeri' conquistaram os últimos nove 'Scudettos' e o décimo ano consecutivo está em perigo considerando que o Inter lidera o campeonato com 10 pontos de vantagem sobre a equipe de Turim.

Na Coppa, a Juventus luta pelo título contra a Atalanta, no dia 19 de maio. Nos dois anos que está na Juventus, Ronaldo não venceu este torneio.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários