Maradona
Reprodução
Maradona

O site de notícias argentino 'Infobae' divulgou neste domingo as transcrições de supostos áudios enviados por Leopoldo Luque, médico particular de Diego Maradona , quando soube da morte do jogador . Neurocirurgião é investigado por negligência.

No principal deles, Luque diz: "Sim, o 'boludo' (gordo), parece que teve uma parada cardiorrespiratória e o gordo vai morrer cag****. Não tenho ideia do que ele fez. Estou indo para lá".

Leopoldo Luque foi o neurocirurgião que operou Maradona dias antes da morte do astro, e é investigado por homicídio culposo. Ele também pode ser acusado por crime de utilização de documento privado adulterado pois falsificou a assinatura do ex-jogador para obter o seu histórico clínico.

Você viu?

Ainda de acordo com o Infobae, o médico mandou áudios descrevendo o momento em que encontrou Maradona: "Entramos na sala e ele estava frio, frio. Com toda a circulação marcada".

"Começamos a reanimação e recuperou um pouco do tônus, digamos, recuperou um pouco da temperatura corporal. Isso com mais ou menos 10 minutos de RCP, a enfermeira, 'El Negro', eu e 'Monona' (a cozinheira), e depois chegou a ambulância. Agora eles estão prosseguindo. Eles não nos dizem como está a situação. Eu saí e eles não me falam nada."

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários