Lance

Barcelona
Divulgação
Barcelona


Sem Messi, que sentiu lesão na coxa e ficou de fora de última hora , o Barcelona eliminou a Real Sociedad nos pênaltis na semifinal da Supercopa da Espanha. Após empatarem em 1 a 1 no tempo normal e sem gols na prorrogação, os catalães venceram nas penalidades por 3 a 2. De Jong e Oyarzabal marcaram os gols no tempo regulamentar. 

OPORTUNISMO
O primeiro tempo foi equilibrado na Andaluzia, mas o Barcelona foi para o intervalo vencendo por 1 a 0 num lance de centroavante de De Jong. Griezmann recebeu belo passe na linha de fundo e cruzou na medida para o holandês, que subiu com estilo e abriu o placar.

POLÊMICA
Logo no início do segundo tempo, a Real Sociedad chegou ao gol de empate com Oyarzabal, em cobrança de pênalti. O próprio camisa 10 começou a jogada, levantou bola na área, que pegou na mão de De Jong. O árbitro entendeu como toque faltoso e assinalou a penalidade. Na batida, o meia bateu bem, deslocou Ter Stegen, que caiu para um lado e a bola foi no outro.

PRORROGAÇÃO
As duas equipes não abdicaram de atacar na prorrogação e criaram boas chances para marcar. A melhor do Barcelona foi com Griezmann, que parou no goleiro Álex Remiro. Já o time basco quase balançou as redes com Januzaj, que cobrou falta na trave de Ter Stegen.

PÊNALTIS
Nas penalidades máximas brilhou a estrela do goleiro Ter Stegen para o Barcelona vencer por 3 a 2. O goleiro pegou as cobranças de Jon Bautista e Oyarzabal, enquanto Willian José mandou na trave. Mikel Merino e Januzaj converteram suas cobranças. No Barcelona, Dembélé, Pjanic e Riqui Puig marcaram, e Dembélé e Griezmann bateram na trave e para fora, respectivamente.

SEQUÊNCIA
Na final da Supercopa da Espanha, o Barcelona enfrentará Real Madrid ou Athletic Bilbao, que se enfrentam nesta quinta-feira. A decisão será no próximo domingo, na cidade de Sevilha.

    Leia tudo sobre: Lionel Messi

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários