Quem é melhor, Messi ou Cristiano Ronaldo ? A pergunta mais polêmica da atualidade no futebol é um debate quase interminável. Mas pesquisas realizadas na Europa produziram um modelo que coloca o argentino à frente de português.

Leia também: Neymar dá ultimato no PSG: “quero Barcelona sim ou sim”

Messi e Cristiano Ronaldo
Reprodução/Twitter
Messi e Cristiano Ronaldo


A Universidade Católica de Leuven, Bélgica, juntamente com uma empresa holandesa de dados, apostaram na ciência e no uso da tecnologia para desenvolver um algoritmo para fazer comparações. Um método de estudo que já é aplicado com sucesso no esporte há anos.

O modelo analisa todas as ações do jogo e gera um valor final estimado, e mede como todos os movimentos do jogador acabam determinando o resultado final de uma partida.

Leia também: Cristiano Ronaldo é eleito o melhor atacante dos últimos 20 anos

Ao longo da última década, o mundo do futebol tem estado dividido entre Lionel Messi e Cristiano Ronaldo. Cada um tem a sua opinião, mas agora um estudo da Universidade Católica de Leuven (Bélgica), em parceria com a empresa holandesa SciSports, revela dados que podem ajudar a esclarecer a dúvida.

"O valor de um jogador de futebol é geralmente determinado através dos gols e das assistências, mas estima-se que cada jogador participe em cerca de 1600 ações por média. Este modelo analisa cada uma dela, desde finalizações, passes, dribles ou roubos de bola. Desta forma, fornece-se uma imagem mais completa de um jogador e o seu valor para a equipe", explicou o professor Jesse Davis.

Após compilar os dados da pesquisa, a universidade chegou em um resultado: Messi tirou 1,21 e Ronaldo 0,61. Os especialistas explicam que o resultado é porque Cristiano joga menos com a bola, mas que tem um grande impacto. Já o argentino gera mais ações, e todas com com um valor alto de decisão.

Leia também: Lionel Messi fala sobre a pandemia: 'futebol e vida não serão os mesmos'

"Nas primeiras temporadas analisadas, as pontuações de Messi e Ronaldo são muito próximas. A partir da temporada 2015-2016, Messi afastou-se do seu eterno rival. Há jogadores que tocam menos na bola, mas com grande impacto. É o caso de Cristiano Ronaldo, enquanto Messi realiza um número muito alto de ações", disse o estudante Tom Decroos, que participou do estudo.

    Veja Também

      Mostrar mais