Neymar e Tiago Ramos
Reprodução/Instagram
Neymar e Tiago Ramos

O áudio vazado em que Neymar xinga Tiago Ramos , o namorado de sua mãe, Nadine, ganhou destaque nesta segunda-feira no jornal espanhol "Mundo Deportivo".

Leia também: Em carta, Cafu fala sobre morte do filho: "Perdi ele em meus braços"

"Numa suposta conversa com amigos, durante uma transmissão privada no Twitch, uma plataforma de jogos online, Neymar está enfurecido com o namorado de sua mãe e descreve Tiago Ramos com uma expressão muito ofensiva, 'viadinho', usada depreciativamente para se referir a homossexuais", escreveu o diário, lembrando que Tiago já se relacionou com homens e não nega seu passado: "Mas a raiva de Neymar com o namorado de sua mãe não termina aí: ele apoia a proposta de um de seus amigos de colocar uma vassoura no ânus de Tiago. Ney termina ameaçando, entre insultos, o namorado de sua mãe".

O "Mundo Deportivo" explica que a fúria do jogador do PSG foi motivada por um "episódio confuso" estrelado por Nadine e Tiago  e detalha a discussão do casal, na noite da última terça-feira, que o jornal classifica como mais um "escândalo" do relacionamento. A confusão terminou com o padrasto de Neymar no hospital com ferimentos no braço.

De acordo com o diário, está claro que, para Neymar, não foi um acidente doméstico, como os dois alegaram à polícia, mas uma forte briga de casal. "O craque brasileiro revela que Nadine mentiu para ele sobre as causas do incidente doméstico. Supostamente, ela teria dito que seu namorado havia caído descendo as escadas e se chocado contra um vidro. Segundo o jogador, isso é impossível devido à distância entre a escada e o vidro na casa de sua mãe. Além disso, a partir da conversa, dá para ver que Neymar é totalmente contra esse romance, como já havia sido publicado pelo 'Mundo Deportivo'".

O jornal ressalta ainda que Neymar mostra preocupação com a situação de sua mãe e comenta que pediu ao amigo Cristian Guedes para ir ao apartamento ver se Nadine também havia ficado ferida.

    Veja Também

      Mostrar mais