José Mourinho e Cristiano Ronaldo
Reprodução
José Mourinho e Cristiano Ronaldo trabalharam juntos no Manchester United e no Real Madrid

A relação entre Cristiano Ronaldo e José Mourinho, comandado e comandante no Real Madrid entre 2010 e 2013, nem sempre foi das mais amistosas. E um dos episódios de maior choque entre os portugueses foi relatado pelo croata Luka Modric em sua autobiografia, "Meu jogo".

Leia também: Em áudio vazado, Neymar xinga o namorado da mãe: “viadinho”

"Me surpreendeu a reação de Mourinho . Estávamos ganhando por 2 a 0 na Copa do Rei. Cristiano Ronaldo não perseguiu os rivais no tiro de meta, e José ficou furioso. Os dois discutiram durante muito tempo em campo. Quando voltamos para o vestiário no intervalo, vi Ronaldo desesperado, à beira lágrimas", escreve Modric em relato compartilhado pelo jornal "Mundo Deportivo".

"Ele disse: 'Faço o melhor que posso, e ele continua me criticando.' Mourinho entrou e começou a criticar o português por sua responsabilidade durante o jogo. Eles se esquentaram tanto que apenas uma intervenção dos companheiros evitou uma verdadeira briga entre nós", continua Modric.

Apesar da relação conflituosa, o período de Mourinho no comando do Real Madrid foi um dos melhores da carreira do português, que marcou 120 gols em 106 partidas, atingindo uma média de um gol a cada 75 minutos. Já para o clube, os títulos se limitaram a um título do Espanhol (2011/12), uma da Copa do Rei (2010/11) e um da Supercopa da Espanha (2012).

    Veja Também

      Mostrar mais