Tamanho do texto

Ex-jogador do Palmeiras foi afastado do Racing após a denúncia de agressão doméstica contra Morella de Las Heras, mãe de seus filhos

Mulher de Cristaldo denuncia agressões do jogador arrow-options
Reprodução
Mulher de Cristaldo denuncia agressões do jogador

O atacante Jonathan Cristaldo, ex-jogador do Palmeiras , é acusado de violência doméstica contra sua mulher, Morella de Las Heras. Em vídeo que circula nas redes sociais, a mãe dos dois filhos do atleta dá detalhes da agressão.

Leia também: Ex-Palmeiras, Cristaldo revela que enfrentou depressão e pensou em suicídio

Segundo Morella, primeiro Cristaldo arremessou uma garrafa de água contra ela, depois a arrastou pelo chão da cozinha da casa onde moram e depois acertou um soco em sua cara.

Em entrevista para o programa “Incorrectas”, da América TV, a mulher do jogador conta que a briga começou depois que Churry esqueceu seu Instagram aberto e ela leu algumas conversas dele com outras garotas.

"Eu vi mensagens com uma menina e ele disse 'onde vamos comer', 'quando nos encontraremos', 'o nosso é um segredo'. Ele admitiu que estava com ela e outras garotas. Ele queria me deixar com ciúmes. Nos separamos há um ano, estávamos indo e voltando”, disse Morella .

Leia também: Músico leva soco em show após cantar que "Palmeiras não tem Mundial"

Por conta da repercussão do caso, o Racing , clube atual de Cristaldo, afastou o jogador da próxima partida do Campeonato Argentino.