Jornalista Diletta Leotta foi alvo de cânticos machistas durante jogo na Itália
Reprodução
Jornalista Diletta Leotta foi alvo de cânticos machistas durante jogo na Itália

O futebol italiano ainda luta arduamente para acabar com o preconceito racial por parte de alguns torcedores e, agora, também sofre com cânticos machistas .

Leia também: Jogadora é baleada no enterro do irmão, mas decide entrar em campo horas depois

A jornalista  Diletta Leotta , famosa repórter do país que trabalha na DAZN , foi a vítima da vez. 

Durante o duelo entre Napoli e Brescia, no estádio San Paolo, válido pelo Campeonato Italiano, a jornalista ouviu os gritos de "Fuori le tette, fuori le tette, fuori le tette" que, na tradução, é "Mostra os seios".

Você viu?

Descontente com a atitude da torcida, ela fez um sinal de negativo aos torcedores e gesto de desaprovação, com o polegar para baixo. Assista:

Leia também: Carol Portaluppi chora porque não assistirá a Grêmio e Flamengo na Arena

Segundo informações da mídia italiana, essa não foi a primeira vez que a  jornalista Diletta Leotta foi alvo de músicas machistas em estádios. Com mais de 4,5 milhões de seguidores no Instagram, ela é constantemente assediada por torcedores nos locais que trabalha.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários