Única filha do técnico  Renato Gaúcho  e torcedora fanática pelo Grêmio, Carol Portaluppi não escondeu a tristeza por não poder ir ao duelo contra o Flamengo, nesta quarta-feira, na Arena, em Porto Alegre, pelo jogo de ida das semifinais da Copa Libertadores.

Leia também: Carol Portaluppi é zoada por athleticano e responde: "Achei ofensivo"

Carol Portaluppi
Divulgação
Carol Portaluppi


Carol Portaluppi  gravou um vídeo aos prantos para dizer aos seguidores que terá uma prova importante na faculdade, que não conseguiu trocar a data e não poderá comparecer ao estádio, como faz de costume.

Você viu?

Leia também: Zagueiro do Inter tira onda com Carol Portaluppi após eliminação do Grêmio

"Eu tive um imprevisto na minha faculdade e não consegui remarcar uma prova que vou ter. Não vou conseguir ir ao jogo na quarta-feira, mas de qualquer forma, eu vou estar torcendo muito (ela chora). O meu coração... (chora mais) Eu sei que vocês vão fazer uma festa linda e cada um de vocês irá me representar um pouco. Vou ver aqui de casa, torcendo muito. Enfim, é isso. Às vezes, temos que ser responsáveis (mais choro)", disse Carol, ao postar vídeos em seu Instagram Stories.


Leia também: Após enfiar 6 a 1, Grêmio tira sarro do Avaí e se vinga de postagem do 1º turno

Carol Portaluppi  deve estar duelo de volta entre Flamengo e Grêmio , no Maracanã, no dia 23 de outubro, às 21h30 (de Brasília). Tida como amuleto da sorte, Carol sempre está nos jogos importantes do Tricolor gaúcho, inclusive nas finais da Copa do Brasil de 2016 e Copa Libertadores de 2017, e nas semifinais da Libertadores de 2018.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários