Tamanho do texto

Jornalista Sara Carbonero escreveu um texto em seu Instagram, refletindo sobre os problemas de saúde enfrentados por ela e pelo marido

Iker Casillas e Sara Carbonero arrow-options
Reprodução/Instagram
Iker Casillas e Sara Carbonero

A jornalista Sara Carbonero, esposa do goleiro Iker Casillas, usou as redes sociais para escrever sobre os problemas de saúde que vem enfrentando. A espanhola luta contra um câncer no ovário, diagnosticado em maio deste ano. No mesmo mês, a jornalista foi submetida a uma cirurgia para a retirada do tumor e recentemente deu início ao tratamento contra a doença.

Leia mais: Após sofrer infarto, Iker Casillas assumirá cargo diretivo no Porto

No post, a esposa de Casillas usa a imagem de uma rosa para fazer uma metáfora sobre as misturas de episódios bons e ruins que acontecem em sua vida. “A rosa não deixa de ser bonita por ter espinhos, nem os espinhos deixam de machucar por terem rosas. Há sempre alguma dor na beleza e muito de beleza na adversidade”, escreveu.

Os problemas da família Casillas vão além do câncer de Sara Carbonero . Há exatamente três meses, Iker sofreu um infarto durante um treinamento no Porto , seu clube . Ele foi socorrido às pressas e submetido a um procedimento cirúrgico. Por causa de sua condição, o goleiro ainda não sabe se poderá voltar a jogar. Enquanto se recupera, ele irá exercer um cargo no staff diretivo do clube português, fazendo um elo de ligação entre os atletas e os dirigentes .

Leia na íntegra o post de Sara:

"Este verão está sendo um pouco diferente. As semanas passam entre médicos, testes, incertezas, malas, muita improvisação de última hora, mas acima de tudo, são momentos muito intensos que eu estou provando como nunca antes.

De repente, as coisas mais banais e cotidianas do mundo se tornaram momentos únicos e mágicos, muitos problemas desapareceram repentinamente. Sinto minha gente mais perto do que nunca e estou rindo, creio que como jamais havia feito. Porque a vida é assim, uma mudança constante, um presente precioso mas envenenado. Uma rosa com espinhos, como a que me trouxe na cama esta manhã o Martin (filho de Sara).

Quando perguntei se ele havia se machucado quando ele a pegou, ele respondeu que sim, que na verdade tinha sido perfurado, mas que valeu a pena para me surpreender. Então nós removemos os espinhos e a colocamos em um jarro com água.

- Você gosta mais assim? - perguntei a ele
- Não mãe, agora não parece uma rosa de verdade

E ele tem toda razão, porque a rosa não deixa de ser bonita por ter espinhos, nem os espinhos deixam de machucar por terem rosas. Há sempre alguma dor na beleza e muito de beleza na adversidade.

E assim estamos, conseguindo que os momento bons superem os menos bons. Porque como diria o grande Andrés Montes, a vida pode ser maravilhosa".