Tamanho do texto

Robinho e o zagueiro Gravesen de desentenderam durante um treinamento no ano de 2006 e saíram no soco. Ambos foram suspensos da atividade

robinho e gravesen
Reprodução
Robinho e Gravesen protagonizaram uma briga durante o treinamento do Real Madrid em 2006

Durante uma entrevista ao programa El Larguero, da emissora Cadena SER, da Espanha, o jogador Júlio Baptista recordou de um episódio curioso envolvendo o brasileiro Robinho no elenco do Real Madrid em 2006.

Leia também:  Ex-Real Madrid diz que Robinho transformou porão em miniboate na Espanha

Na equipe há um ano, Robinho participava de um treino com os companheiros quando se envolveu numa briga com o zagueiro Thomas Gravesen.

“Lembro-me dessa luta entre Robinho e Gravesen. Eles quase se mataram”, disse o jogador. “Gravesen estava doido e Robinho fez-lhe uma bicicleta. E a seguir outra ... e o Gravesen deu-lhe uma patada. Robinho olhou e deu-lhe um murro no peito. E montou-se ali um circo”, relembrou aos risos.

“Gravesen queria matá-lo. Capello [técnico do Real Madrid na época] tirou-os do treino. Quando Robinho ia para o balneário, Gravesen olhou para mim e disse ‘vou matá-lo, vou mata-lo’. E eu intervi para tentar pará-lo”, disse.

Leia também:  Técnico do PSG diz que não autorizou ausência de Neymar em treinamento

“No fim do treino, Gravesen foi tomar banho e Robinho foi para o centro de campo. Roberto Carlos, Cicinho e Beckham ficaram rindo no chão. O inglês até chegou a imitar Robinho: dar e correr”, finalizou Júlio.

júlio e robinho
Reprodução
Júlio e Robinho atuaram juntos no Real Madrid

No ano de2009, em entrevista para o programa Papo de Boleiro, da TV Bandeirantes , Robinho relembrou o episódio no Real Madrid . Perguntado sobre quem merecia as pedaladas de 2002 em cima de Rogério Ceni, ele respondeu que “alguns zagueiros maldosos como Gravesen”.

“Deram uma bola pra mim e eu dominei de costas, coisa que o Pelé falou ‘não domina a bola de costas, porque os caras abre a asa’. Eu dominei, toquei e ele deu um bico no meu tornozelo. Aí eu olhei pra ele e falei ‘Graeven, devagar’”, comentou.

“A bola veio pra mim de novo e eu sabia que ele estava vindo pra me marcar, eu dominei e toquei antes pra ele não me machucar. Quando a bola já tinha ido ele me bateu sem bola, quando ele me deu um bico eu dei outro bico nele. Quando eu dei outro bico nele, ele veio pra cima de mim. Ele era um monstro e eu dei nele de susto, pra não machucar. Quando ele veio pra cima eu dei um soco no peito dele. Aí entrou Julio Baptista e Ronaldo e eu saí”, disse Robinho.

Leia também:  Pep Guardiola faz três exigências para continuar no Manchester City; veja

Veja abaixo uma sequência de fotos da briga entre Robinho e Gravesen que marcou o elenco do Real Madrid em 2006.