Tamanho do texto

Os clubes projetam a demolição do histórico estádio para a construção de uma nova arena no local, gerando a revolta de muitos torcedores

undefined
Reprodução / Getty Images
Inter de Milão e Milan querem modernizar o San Siro

Os torcedores da Inter de Milão e do Milan se uniram nesta quinta-feira (28) nas redes sociais contra a demolição do estádio San Siro para a construção de uma nova arena , que também será utilizada por ambos clubes.

Pedindo para o grupo chinês Suning e o fundo de investimento norte-americano Elliott "tirarem as mãos do San Siro ", foram lançadas diversas petições contra a demolição do famoso estádio italiano e as assinaturas estão crescendo cada vez mais.

"O Meazza (San Siro) é um monumento com fortes sugestões e história que apenas um louco arranharia. Ou um estrangeiro que não tem nada a ver com futebol e só tem que fazer negócios, como talvez a Suning e a Elliott", escreveu o jornalista Enrico Mentana.

Ele ainda afirmou que a demolição do estádio "é como se alguém quisesse derrubar o Duomo para torná-lo mais funcional e moderno".

Alguns torcedores pediram para que a Suning, dona da Inter de Milão , e a Elliott, detentora do Milan , sejam demolidas. Outros fãs sugeriram que o San Siro se transforme em um "museu do futebol" e que a intenção de derrubar o estádio é um "absurdo".

Já o ex-jogador do Milan e atual auxiliar técnico da seleção italiana, Alberigo Evani, declarou que demolir o estádio seria como "derrubar o Coliseu de Roma".

O partido ultranacionalista Liga apresentou hoje (28) uma moção no Conselho Municipal contra o processo de demolição do Giuseppe Meazza. O documento obriga o prefeito de Milão, Giuseppe Sala, a "descartar categoricamente qualquer hipótese futura de demolição do estádio" e "considerar uma reestruturação" do San Siro "de cordo com os parâmetros nacionais e internacionais".

Leia também: Partidos políticos na Itália se unem para evitar demolição do estádio San Siro

A nova arena dos dois times da capital lombarda será levantada na atual área de estacionamento do San Siro. O objetivo do Milan é que o novo estádio já esteja pronto para a temporada 2023/24.

Inaugurado em 1926, o estádio Giuseppe Meazza, popularmente conhecido como San Siro , passou pela sua última grande reforma no final dos anos 1980, quando fez o terceiro anel, realizado em função da Copa do Mundo de 1990, disputada na Itália

    Leia tudo sobre: Futebol