Emiliano Sala morreu em acidente aéreo no Canal da Mancha
Divulgação
Emiliano Sala morreu em acidente aéreo no Canal da Mancha

No mês passado, o Nantes, da França, entrou com um recurso na Fifa exigindo que o Cardiff City, do País de Gales, pague a primeira parcela da transferência do atacante argentino Emiliano Sala, morto em janeiro após um acidente aéreo no Canal da Mancha. 

Leia também: Nantes entra com recurso na Fifa para cobrar dinheiro de transferência de Sala

O pedido do Nantes é baseado no artigo 12 do estatuto de transferência de jogadores da entidade que rege o futebol mundial.  Emiliano Sala  foi vendido ao time que disputa o Campeonato Inglês por 17 milhões de euros (R$ 74 milhões na cotação atual).

Neste primeiro momento, o clube francês está exigindo o pagamento da primeira das três parcelas, que é de 6 milhões de euros.

Em contato com a reportagem do iG Esporte, o advogado Carter Batista, sócio do Osório Batista Advogados, especialista no assunto, explicou o que pode acontecer neste caso .

"Segundo a imprensa britânica, o Cardiff City afirma que o contrato assinado entre o clube e o atleta antes de sua morte não foi chancelado pela Premier Legue, razão pela qual a transferência não foi cabalmente concluída", disse.

Leia também: Fifa 19 decide remover Emiliano Sala do jogo em respeito à sua morte e legado

Você viu?

"O fato do contrato não ter sido registrado na Liga, ensejaria nulidades. O clube galês também estaria aguardando o final das investigações do acidente, pois afirma que o voo foi encomendado pelo clube francês", continua Carter Batista.

"Claro que para uma análise mais acurada e precisa, seria necessário analisar os instrumentos que foram assinados. Porém, com base no que foi noticiado, arriscaria dizer que no fim das contas, o Cardiff terá que arcar com os pagamentos a que se comprometeu, tendo em vista que o atleta assinou com o clube galês antes do acidente e as supostas irregularidades apontadas pela Premier League não teriam o condão de anular o negócio", finalizou.

Torcedores do Nantes fizeram homenagem a Emiliano Sala
LOIC VENANCE / AFP
Torcedores do Nantes fizeram homenagem a Emiliano Sala

Vivendo o auge da carreira com a camisa do Nantes , o contrato de Sala com o Cardiff foi assinado em 21 de janeiro deste ano, mesmo dia que o avião que levava o atleta da França para o País de Gales caiu no Canal da Mancha.

O corpo do jogador argentino foi encontrado no fundo do mar somente 18 dias depois. Após ser identificado pelas autoridades, a família de Sala providenciou o translado até a Argentina, onde o atleta foi enterrado.

Leia também: Mãe de Emiliano Sala pede esclarecimento sobre acidente: "Exijo justiça"

O corpo do piloto David Ibbotson, que estava com Emiliano Sala no avião, ainda não foi encontrado. Em vaquinha online, a família de David arrecadou 3 milhões de euros e as buscas chegaram a ser retomadas, mas ainda sem sucesso

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários