undefined
Reprodução
Matic não usou flor de papoula em rodada do Dia do Armistício na Inglaterra

Quem assistiu as partidas da Premier League neste fim de semana percebeu algumas homenagens e minuto de silêncio que precederam todas as partidas. As ações ocorreram porque no sábado foi celebrado o Dia do Armistício na Inglaterra (11 de novembro marca o fim da Primeira Guerra Mundial ).

Leia também:  Kylian Mbappé é o jogador mais valioso do mundo; Neymar é terceiro

É uma tradição entre os clubes ingleses colocar em seus uniformes a flor de papoula, o símbolo do Dia do Armistício na Inglaterra para lembrar-se dos soldados britânicos mortos e feridos na Primeira Guerra e demais pessoas que perderam suas vidas durante o período de 1914 a 1918.

Porém, nesta edição do ‘Remember Day’ o jogador do Manchester United, Nemanja Matic , chamou atenção do mundo por não utilizar a flor de papoula em seu uniforme. Ele foi o único atleta do clube a entrar em campo com a camisa diferente.

Por meio de suas redes sociais, o jogador de 30 anos comentou o ocorrido. “Eu reconheço totalmente por que as pessoas usam papoulas, eu respeito totalmente o direito de todos e tenho total simpatia por quem perdeu seus entes queridos devido a conflitos”, publicou em seu Instagram.

Leia também: Clubes europeus querem criar 'superliga' a partir de 2021, diz Football Leaks

“No entanto, para mim é apenas uma lembrança de um ataque que eu senti pessoalmente como um menino de 12 anos de idade, assustado e jovem que vivia em Vrelo, como o meu país foi devastado pelo bombardeio na Sérvia em 1999”.

No fim dos anos 90 a OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte), deu início a uma série de bombardeios na Sérvia que durou 78 dias e matou mais de três mil pessoas. A ação da OTAN, que tem a Inglaterra como membro, foi uma medida para que o país desse fim aos conflitos armados com o território do Kosovo, que tentava uma independência.

Relembrando esse fato, o atleta continuou seu posicionamento “Embora eu tenha feito isso antes, pensando bem, agora não sinto que seja certo usar a papoula em minha camisa. Eu não quero enfraquecer a papoula como um símbolo de orgulho dentro da Grã-Bretanha ou ofender ninguém, no entanto, todos nós somos um produto de nossa própria educação e está é uma escolha pessoal pelas razões descritas”.

“Espero que todos entendam as minhas razões agora que as expliquei e posso me concentrar em ajudar a equipe nos jogos que estão por vir”, finalizou Matic.

Leia também:  Shaqiri será desfalque para o Liverpool na Champions por motivo político. Veja

Com o jogador em campo na rodada do Dia do Armistício na Inglaterra , o Manchester United venceu o Bournemouth por 2 a 1. O próximo compromisso dos Red Devils será na quarta-feira (07) pela Liga dos Campeões da Uefa, contra a Juventus.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários