Tamanho do texto

Jürgen Klopp foi questionado sobre o rótulo de 'cai-cai' do craque brasileiro antes do duelo do seu time contra o PSG pela abertura da Liga dos Campeões

O Liverpool abre sua caminhada na Liga dos Campeões nesta terça-feira, contra o Paris Saint-Germain, pelo Grupo C, e durante a entrevista coletiva tradicional da Uefa, o técnico do Liverpool, Jürgen Klopp, falou, é claro, sobre Neymar, principal jogador do time francês.

Leia também: Klopp, do Liverpool, diz que não vale tudo para vencer e alfineta Sergio Ramos

Técnico do Liverpool, Jürgen Klopp, defendeu Neymar do rótulo de cai-cai
DIVULGAÇÃO/LIVERPOOL
Técnico do Liverpool, Jürgen Klopp, defendeu Neymar do rótulo de cai-cai

Klopp foi questionado sobre as simulações dde Neymar, que viraram assunto no mundo inteiro após a disputa do último Mundial, na Rússia. O técnico do Liverpool , no entanto, defendeu o atacante brasileiro.

“Eu não sei exatamente do que você está falando”, disse. "Quando assisti a alguns jogos na Copa do Mundo, pareceu que ele fez um pouco a mais da situação. Mas para mim é uma reação normal, porque outros jogadores procuraram contato com ele, que tem de se proteger", acrescentou.

O treinador ainda fez questão de ressaltar que parar o camisa 10 do PSG é muito difícil e relembrou que ele não jogou a Copa do Mundo com 100% do seu estado físico.

"Nós não vamos persegui-lo, queremos jogar futebol. Vamos tentar evitar que ele vença duelos e passe por nós, o que é um trabalho difícil de se fazer. Ele é um jogador fantástico e não estava em plenas condições físicas na Copa do Mundo, todos puderam ver isso. Ninguém o perguntou se ele tinha condições de jogar, ele que chamou a responsabilidade de representar o seu país mesmo estar em condições".

Leia também: Bancada da bola: veja os esportistas que concorrem nas eleições 2018

Jürgen Klopp , inclusive, acredita que se o craque brasileiro estivesse 100% na partida contra a Bélgica, que acabou com a eliminação do Brasil, a história seria outra.

"A Bélgica fez um belíssimo jogo contra o Brasil, mas se o Neymar estivesse bem, acredito que o Brasil venceria. Como ele estava machucado, teve de se proteger de alguma forma. Não acredito que ele seja um jogador que busque se jogar, porque senão não seria capaz de apresentar o futebol que ele joga", opinou.

Técnico do Liverpool fala sobre Firmino e favoritismo

Roberto Firmino levou dedada no olho esquerdo e técnico do Liverpool não o confirmou na estreia da Champions
DIVULGAÇÃO/LIVERPOOL
Roberto Firmino levou dedada no olho esquerdo e técnico do Liverpool não o confirmou na estreia da Champions

O técnico alemão falou também sobre Roberto Firmino , que no último sábado, durante a vitória sobre o Tottenham por 2 a 1 pelo Campeonato Inglês, levou uma dedada no olho esquerdo e precisou ser encaminhado a um hospital especializado em olhos, por isso é dúvida para a estreia na Champions.

"Se o jogo fosse hoje (segunda), sem chance de ele jogar. Todos estávamos chocados com as imagens (do momento do incidente) que vimos depois do jogo. Foi um alívio falar com ele, que ficará bem. Só não sabemos quando", revelou Klopp e jogou o favoritismo do confronto para o PSG, apesar de jogar em casa.

Leia também: Preocupado, Cuca manda recado para empresário do zagueiro Robson Alves

"Vencer o primeiro jogo é uma grande vantagem na Liga dos Campeões , mas nós sequer jogamos até agora. O PSG é um dos favoritos ao título, como nós seremos os favoritos para amanhã? Mas na verdade isso não importa, não quero fazer um jogo psicológico. Este time do PSG foi montado para ganhar a Liga dos Campeões", finalizou o técnico do Liverpool .

    Leia tudo sobre: futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.