Tamanho do texto

Meia chega por empréstimo de um ano junto ao Sevilla e espera ter mais oportunidades de mostrar seu futebol no novo clube

Ganso foi apresentado oficialmente pelo clube francês
Reprodução / Ligue 1
Ganso foi apresentado oficialmente pelo clube francês

Paulo Henrique Ganso foi apresentado na manhã desta sexta-feira (07) em seu novo clube, o Amiens , da França.

Leia também: Orlando City procurou Ganso para substituir Kaká, mas meia recusou, diz jornal

O contrato de Ganso com o clube francês é por empréstimo de uma temporada junto ao Sevilla , time que possui os direitos do jogador.

Apresentado ao lado de Joannin Bernard e Cristophe Pélissier, presidente e treinador do clube, o brasileiro foi muito elogiado e tratado como o maior jogador da história dos franceses.

"É o nosso maior jogador da historia e vamos desfrutar desse momento lindo. Vamos compartilhar essa alegria por aqui com todos do clube", disse o presidente do Amiens.

“Um jogador desse calibre óbvio que merece uma atenção especial. Mas já conversamos e ele sabe como será útil por aqui”, afirmou o técnico do time.

Questionado sobre as propostas de Santos, Grêmio e São Paulo, Ganso revelou que outros brasileiros também tentaram sua contratação, mas sua prioridade foi permanecer na Europa.

"Tem mais clubes que mostraram o interesse e apresentaram propostas, mas a Europa pesou. Queria permanecer aqui, ter oportunidade de jogar e ficar com a cabeça mais tranquila com a família aqui na Europa”.

Leia também: Para técnico do Real Madrid, Modric merece prêmio de melhor do mundo

O meia falou também sobre a vontade de ter uma sequência de jogos, o que não conseguiu atuando pelo Sevilla.

“Quero poder estar sempre dentro de campo para mostrar qualidade e fazer gols. Minha escolha foi primeiro por ter a oportunidade de jogar, estar sempre em campo, atuando. E por saber que vou jogar uma liga muito forte, e jogar com a cabeça tranquila, sem a preocupação de estar ou não em campo. Sei que estarei sempre em campo".

O jogador contou também o que conhecia sobre seu novo clube, que é pouco conhecido pelos torcedores do Brasil principalmente.

“Eu conhecia o Amiens por assistir à liga francesa, e outros clubes também. Aqui tem não só o Neymar, mas também jogadores de menos conhecidos, como o Boschilia, o Lucas Evangelista (ambos do Nantes), que chegou neste ano, o Jovetic. São grandes jogadores que também engrandecem a liga”.

O meia revelou também que não consultou seu amigo Neymar antes de se transferir para o Amiens.

Leia também: Jornal diz que Neymar se arrependeu e "chorou" para voltar ao Barcelona

“Não falei antes (com o Neymar), falei depois que tinha acertado com o Amiens. Ele me desejou muita sorte, que eu possa fazer o meu melhor e jogar no mais alto nível. Espero conhecer Paris com ele. E a minha família também”, finalizou Ganso .

    Leia tudo sobre: Futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.