Tamanho do texto

Comandados por Jürgen Klopp construíram a vitória ainda no primeiro tempo, mas sofreram leve pressão após o goleiro brasileiro errar feio

O Liverpool foi até Leicester para enfrentar os donos da casa, neste sábado, em partida válida pela quarta rodada do Campeonato Inglês , e venceu por 2 a 1, mantendo os 100% de aproveitamento na competição e a liderança.

Leia também: Confira a tabela, classificação e estatísticas da Premier League

Jogadores do Liverpool comemoram o gol que inaugurou o placar, marcado por Mané
Reprodução/Twitter/premierleague
Jogadores do Liverpool comemoram o gol que inaugurou o placar, marcado por Mané

A vitória do Liverpool foi construída ainda no primeiro tempo, com gols de Mané, aos nove minutos, e Roberto Firmino, aos 44. Na etapa final, o Leicester foi para cima e, em falha bizarra de Alisson, conseguiu diminuir, mas foi só.

Desta forma, o time comandado por Jürgen Klopp chega aos 12 pontos após quatro rodadas e permanece na ponta. Os Foxes estacionam nos seis pontos e podem perder posições com alguns resultados. Na próxima rodada, os Reds enfrentam o Tottenham, fora, e o Leicester pega o Bournemouth, também longe de seus domínios.

Como foi a vitória do Liverpool

Firmino e Mané fizeram os gols da vitória do Liverpool sobre o Leicester
Reprodução/Twitter/LFC
Firmino e Mané fizeram os gols da vitória do Liverpool sobre o Leicester

Os Reds começaram o jogo em cima do Leicester e logo aos três minutos teve grande chance de abrir o placar. Salah tocou para Firmino na área, que bateu e obrigou Schmeichel a fazer grande defesa. Na sequência, Salah tentou, mas mandou para fora.

Seis minutos depois, porém, Mané não desperdiçou. Robertson fez grande jogada pela esquerda, passou pela marcação e tocou para o senegalês na área. Ele dominou e bateu de perna esquerda para abrir o placar no King Power Stadium.

Leia também: Pep Guardiola defende José Mourinho: "Técnico de primeira linha"

Aos 22 minutos, o time da casa tentou o empate em chute de Gray, mas Alisson defendeu. Dez minutos mais tarde foi a vez de Maddison arriscar, mas mandar por cima. Aos 42, o Liverpool quase ampliou em chute de Salah, mas Schmeichel espalmou bonito.

Dois minutos depois, Milner cobrou escanteio e encontrou Roberto Firmino sozinho no meio da área. O atacante brasileiro cabeceou firme e ampliou o placar para os Reds no fim da primeira etapa.

Na etapa final, o Leicester voltou em cima e criou boas chances com Ghezzal e Maddison. Foi neste momento de pressão dos donos da casa que o líder da Premier League quase fez o terceiro e contra-ataque, mas acabou desperdiçando oportunidade no quatro contra dois.

Aos 17 minutos, o goleiro Alisson, que fazia partida segura, foi tentar um drible dentro da área e acabou perdendo para Iheanacho. O camisa 8 percebeu a chegada de Ghezzal e rolou para o meia bater e diminuir.

A partir de então, o duelo passou a ficar muito burocrático, com o Leicester tentando o empate, mas sem ímpeto e com os visitantes jogando mais no contra-ataque para tentar matar a partida.

Leia também: Agente de Cristiano Ronaldo critica escolha por Modric: "Ridícula e vergonhosa"

Desta maneira, Mané e Arnold quase marcaram, mas finalizaram para fora. Nos minutos finais, o goleiro Schmeichel chegou a ir para a área para tentar o gol de empate, mas não adiantou. Aos 50 minutos, então, o árbitro encerrou a partida para mais uma vitória do Liverpool na Premier League.

    Leia tudo sobre: futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.