Tamanho do texto

Apesar de perder mais de 11%, conforme indicou consultoria especializada no ramo esportivo, camisa 10 da seleção segue na liderança do ranking

A Copa do Mundo de Neymar não foi a que todos esperavam. O maior craque da seleção brasileira atualmente fez apenas dois gols em cinco jogos e, além do baixo desempenho em campo, virou chacota mundial por conta de suas quedas e viu seu valor de mercado cair cerca de 11,1%, conforme apontou a Pluri Consultoria , especializada no ramo esportivo.

Leia também: Em comunicado, Real Madrid descarta fazer proposta por Neymar

Imagem de Neymar foi arranhada durante a Copa e seu valor de mercado caiu mais de 11%
Divulgação/Fifa.com
Imagem de Neymar foi arranhada durante a Copa e seu valor de mercado caiu mais de 11%

Segundo o estudo, o valor de mercado do craque do Paris Saint-Germain antes da Copa era de 197,3 milhões de euros (cerca de R$ 893 milhões) e passou a ser de 175,4 milhões de euros (R$ 794 milhões), isto é, uma diferença de 21,9 milhões de euros (R$ 99 milhões). Para a consultoria, existe uma razão pela queda de Neymar.

“Neymar entrou na Copa do Mundo cercado de expectativa Global pela condição de protagonista da maior transferência da história do futebol muldial (222 milhões de euros), e
frequentemente apontado como sucessor natural de Cristiano Ronaldo e Messi”. Além disso, a Pluri diz que o jogador deveria ter sido o líder de uma seleção favorita ao título.

Para eles, no entanto, o atacante “não se comprometeu com a bola nos pés, não foi decisivo como se esperava dado seu talento. E, sem a bola, amplificou em escala planetária os
piores aspectos que há tempos se apontavam sobre sua carreira”.

Leia também: Organização ligada ao papa Francisco indica Neymar a prêmio por "bons valores"

Neymar segue líder

O título da França foi o que fez Mbappé ultrapassar Messi em valor de mercado
FIFA/ Divulgação
O título da França foi o que fez Mbappé ultrapassar Messi em valor de mercado

Apesar de perder quase R$ 100 milhões, Neymar continua sendo o jogador com o maior valor de mercado do mundo. Ele é seguido por Kylian Mbappé, que agora é campeão do mundo e vale 170,7 milhões ou R$ 772 milhões, e por Lionel Messi, que tem valor em 161,8 milhões de
euros ou R$ 732 milhões. 

O título da França foi o que fez o jovem atacante do PSG ultrapassar Messi. Ele se valorizou 44%, de acordo com a empresa. O relatório diz ainda que, além de ser, hoje, o jogador com 19 anos mais valioso da história, o francês tem a chance de ser o primeiro a valer mais de 300 milhões de euros, dependendo de sua evolução.

Leia também: VAR em alta, Neymar em baixa: Conheça vencedores e perdedores da Copa do Mundo

Futuro de Neymar

Será que Neymar conseguirá recuperar sua imagem ou o auge foi no ano passado, aos 25 anos?
Pedro Martins / MoWA Press
Será que Neymar conseguirá recuperar sua imagem ou o auge foi no ano passado, aos 25 anos?

A consultoria ainda projeta o futuro de Neymar e coloca três cenários: base, otimista e pessimista. No primeiro e último, o auge do valor de mercado do camisa 10 já foi atingido
no ano passado, quando ele tinha 25 anos. Já no otimista, Neymar irá reagir e se valorizará até os 29 anos.