Tamanho do texto

Ex-PSG foi o nome escolhido para substituir o treinador ídolo do clube inglês, Arsene Wenger, que depois de 22 anos no Arsenal, vai deixar o cargo

Unai Emery foi confirmado como novo treinador do Arsenal
Twitter/Reprodução
Unai Emery foi confirmado como novo treinador do Arsenal

O Arsenal confirmou na manhã desta quarta-feira (23) que Unai Emery será o novo treinador da equipe. O ex-jogador espanhol vai ocupar o cargo que durante 22 anos, foi de Arsene Wenger. Em duas temporadas como comandante do PSG, conquistou títulos do Campeonato Francês, Copa da França e Copa da Liga Francesa.

Leia também: Corinthians e time da Arábia Saudita confirmam acordo por Carille

"Estou muito feliz por me juntar a um dos grandes clubes. O Arsenal é conhecido e amado em todo o mundo pelo seu estilo de jogo, seu compromisso com os jovens jogadores, o fantástico estádio, o modo como o clube é dirigido. Estou muito animado por ter a responsabilidade de começar este importante novo capítulo na história do Arsenal. Conheci Stan e Josh Kroenke e está claro que eles têm grandes ambições para o clube e estão empenhados em trazer futuro sucesso. Estou animado com o que podemos fazer juntos e estou ansioso para dar a todos que amam o Arsenal alguns momentos especiais e memórias", afirmou Unai Emery .

Leia também: Espanha não espera Copa do Mundo e renova com técnico Julen Lopetegui até 2020

Recepção do novo treinador

“Unai tem um excelente histórico de sucesso ao longo de sua carreira, desenvolveu alguns dos melhores jovens talentos da Europa e joga um estilo de futebol emocionante e progressivo que se encaixa perfeitamente com o Arsenal. Sua abordagem trabalhadora e apaixonada e seu senso de valores dentro e fora do campo fazem dele a pessoa ideal para nos levar adiante", afirmou o chefe executivo do clube inglês, Ivan Gazidis.

Leia também: Cristiano Ronaldo bate Lebron James é eleito o atleta mais popular do mundo

"Realizamos uma pesquisa confidencial, ampla e rigorosa, envolvendo extensas referências básicas, análise de dados e vídeos e reuniões pessoais com todos os candidatos que selecionamos. Todos estavam interessados ​​na posição e fomos unânimes em nossa escolha de Unai para conduzir o próximo capítulo de nossa história", completou o dirigente do Arsenal .

    Leia tudo sobre: futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.