Tamanho do texto

Manchester United leva pressão, mas consegue colocar duas bolas no fundo da rede, com Sánchez e Herrera, e se garante na final da Copa da Inglaterra

O Manchester United conseguiu se classificar para a final da Copa da Inglaterra e ainda pode terminar a temporada 2017/18 com um troféu. Após a vitória por 2 a 1 contra o Tottenham , em Wembley, os Diabos Vermelhos agora esperam o vencedor de Chelsea e Southampton para saber o adversário da busca pela taça.

Leia também: Salah marca e iguala recorde histórico de Suárez, Cristiano Ronaldo e Shearer

Alexis Sánchez comemora o primeiro gol do Manchester United
Reprodução/Twitter
Alexis Sánchez comemora o primeiro gol do Manchester United

O Tottenham criou as melhores chances e até chegou a abrir o placar com o meia Dele Alli, logo aos 10 minutos. O Manchester United empatou aos 23 depois de uma bobeira de Dembélé, que Sánchez aproveitou. A virada veio só na segunda etapa, quando Herrera arriscou de primeira e mandou uma bomba para vencer o goleiro Vorm.

O jogo

O Tottenham abriu o placar logo aos 10 minutos de partida. O zagueiro Sánchez demonstrou muita categoria e fez um lançamento incrível para Eriksen. O dinamarquês cruzou na medida para Dele Alli, que so teve o trabalho de escorar e colocar os Spurs na frente.

No entanto, o Manchester United foi buscar o empate treze minutos depois. Dembélé tentou sair driblando e foi desarmado por Pogba. O francês olhou para a área e viu Sánches entrando nas costas da zaga. Com um belo cruzamento, a bola foi na cabeça do chileno, que mandou no contra-pé o goleiro Vorm e deixou tudo igual.

Leia também: Por receber cartões de propósito, atleta é suspenso por seis anos na Inglaterra

Logo antes do juiz apitar o final da primeira etapa, Dier arriscou um chute de muito longe. A bola parecia fácil, mas desviou em Smalling e deixou De Gea parado no meio do gol, sem reação. Para o azar do volante inglês, a bola bateu na trave e saiu.

Na volta para a segunda etapa, o Tottenham continuava melhor na partida e criando as melhores chances. Só que foi o Manchester que conseguiu a virada no placar. Lukaku ganhou a bola no alto e ela caiu nos pés de Sánchez. O chileno tenta devolver para o belga, mas o passe sai um pouco na frente e acaba chegando em Herrera. O volante chuta de primeira e marca o segundo dos Diabos Vermelhos.

Aos 28 minutos, Eriksen teve uma boa chance de empatar a partida. O dinamarquês aproveitou espaço dado pela zaga adversária e arriscou de longe, de perna esquerda. A bola passou muito perto da trave e até chegou a derrubar a garrafa de água do goleiro De Gea.

Leia também: Após 22 anos, chega ao fim a era Arsene Wenger no Arsenal

O Manchester United agora aguerda o vencedor de Chelsea e Southampton, que se enfrentam na tarde deste domingo, para saber o adversário da final.

    Leia tudo sobre: Futebol